Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

A defesa de Temer e do coronel Lima

Em resposta à reportagem publicada em VEJA desta semana 'Operação Aeroporto'

Por Da Redação Atualizado em 25 Maio 2018, 13h52 - Publicado em 25 Maio 2018, 13h42

Em VEJA desta semana Operação Aeroporto

O advogado Brian Alves Prado, que defende Michel Temer, disse em nota que o presidente “repudia a acusação de recebimento de qualquer valor de propina, seja pessoalmente, seja por interposta pessoa”. “Até o presente momento, não se há notícia de qualquer apuração sobre esse tema já agora repristinado, sendo certo que – se formalmente questionado – o presidente Michel Temer esclarecerá às autoridades sua completa desvinculação com o contrato celebrado entre duas empresas das quais não é proprietário”.

O advogado Cristiano Benzota, que defende o coronel João Batista Lima, nega que o seu cliente tenha praticado qualquer irregularidade, contesta a proposta de delação premiada do empreiteiro José Antunes, que acusa o amigo de Temer de receber propina, e ainda afirma que não teve acesso ao estudo, porque ele foi apreendido numa operação da Polícia Federal em março.

Publicidade