Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Médico de Porto Alegre que ofendeu Manuela D’Ávila é afastado

"Somos um hospital humanitário, e o respeito ao próximo é um dos nossos principais valores", afirmou o hospital

Um médico que chamou a deputada estadual Manuela D’Ávila (PCdoB-RS) de “vaca” foi afastado temporariamente do trabalho pelo Hospital Mãe de Deus, em Porto Alegre. Manuela é pré-candidata à Presidência nas eleições de outubro. O afastamento é temporário “até serem adotadas medidas mais definitivas”, disse o hospital a VEJA, por meio de sua assessoria.

“O Hospital Mãe de Deus não concorda e não corrobora com opiniões políticas que ofendam a dignidade humana. Somos um hospital humanitário, e o respeito ao próximo é um dos nossos principais valores. Investigaremos a situação e tomaremos as providências cabíveis”, afirmou o hospital aos seguidores do perfil institucional do Twitter (leia nota completa abaixo).

Foi na mesma rede social que, um dia antes, o médico Marcelo Folgierini ofendeu a parlamentar por meio de seu perfil. Manuela escreveu na quinta-feira, dia 5, pedindo justiça pela vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes, executados no Rio de Janeiro. O médico, então, respondeu: “Em primeira ou segunda instância, sua vaca?”. Depois, Manuela escreveu que estava viajando para São Bernardo para acompanhar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que precisa se entregar à PF para cumprir pena de prisão. Folgierini respondeu à postagem dizendo “vai a merda” [sic].

A reportagem tentou contato com Folgierini, mas não obteve retorno. Procurada por VEJA, a assessoria da deputada informou que o assunto está sendo tratado por advogados.

No Facebook, o hospital publicou o seguinte comunicado: “Somos mais de 2500 pessoas que não se sentem representadas por atitudes que agridem o próximo. O Hospital Mãe de Deus repudia e não aceita comportamentos que desrespeitam a diversidade de opiniões. O funcionário envolvido nas ofensas propagadas pelas redes sociais foi afastado hoje, 06/04/2018″.

NOTA DE POSICIONAMENTO

O Hospital Mãe de Deus não concorda e não corrobora com opiniões, políticas ou não, que ofendam a dignidade humana. Somos um hospital humanitário, e o respeito ao próximo e à diversidade é um dos nossos principais valores. Partindo destas premissas, a Instituição repudia veementemente a manifestação do referido médico, o qual foi afastado. Tal comportamento não representa nossos mais de 2.500 profissionais e, também por isso, o Hospital Mãe de Deus soma-se às mensagens de indignação daqueles que, de alguma forma, se sentiram ofendidos com o fato.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Paulo Bandarra

    Se chamar uma pessoa de cobra é elogio. Se chamar de cachorro é ofensa. Acho que o hospital entrou na hipocrisia em nome da pessoa humana. Não tem maior direito do que a liberdade de pensamento e de expressão.

    Curtir

  2. Paulo Bandarra

    Como o médico atende uma pessoa de outra ideologia? Da mesma forma que um comunista atende um burguês ou rico. Simples assim.

    Curtir

  3. Paulo Bandarra

    Isto que só os socialista que acham que os diferentes devam ir para a câmara de gás ou para o paredão. Não aceitam outro pensamento.

    Curtir

  4. Paulo Bandarra

    O que ofende mais a dignidade humana? defender a corrupção com mentiras deslavadas ou ser chamada de vaca? É um falso puritanismo medieval.

    Curtir

  5. Acho ofensivo as pessoas chamarem de animais alguns políticos. Ofensivo para os animais.

    Curtir

  6. meus parabéns ao médico falou tudo e mais um pouco mais a vaca não merecia isso ser comparada com tal pessoa

    Curtir

  7. CARLOS SOLRAC

    Ela pode até ser uma vaca, mas é uma vaca bem gostosa essa Manuela.

    Curtir