Clique e assine a partir de 9,90/mês
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Haddad explica por que prefere o modo Stálin de matar ao modo Hitler

O ministro da Educação, Fernando Haddad — aquele que queria estimular crianças de 11 anos a ir à locadora retirar filmes como a “Gaiola das Loucas” e achar no caça-palavras a designação correta para quem não está satisfeito com seu órgão genital —, participou hoje de uma audiência na Comissão de Educação do Senado. Disse […]

Por Reinaldo Azevedo - Atualizado em 20 fev 2017, 14h50 - Publicado em 31 maio 2011, 23h00

O ministro da Educação, Fernando Haddad — aquele que queria estimular crianças de 11 anos a ir à locadora retirar filmes como a “Gaiola das Loucas” e achar no caça-palavras a designação correta para quem não está satisfeito com seu órgão genital —, participou hoje de uma audiência na Comissão de Educação do Senado. Disse que não recolherá o tal livro polêmico e coisa e tal… E fez a seguinte declaração, que entrego à reflexão de vocês. Na madrugada, eu vou me dedicar a este valente:

“Há uma diferença entre o Hitler e o Stálin que precisa ser devidamente registrada. Ambos fuzilavam seus inimigos, mas o Stálin lia os livros antes de fuzilá-los. Essa é a grande diferença. Estamos vivendo, portanto, uma pequena involução, estamos saindo de uma situação stalinista e agora adotando uma postura mais de viés fascista, que é criticar um livro sem ler”.

Publicidade