Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

TRF-2 decide julgar processo contra Marcelo Bretas em sessão aberta

'Interesse público' em torno do caso justifica a retirada do sigilo, avalia a cúpula da Corte

Por Mariana Muniz - Atualizado em 16 set 2020, 17h14 - Publicado em 16 set 2020, 16h45

O Órgão Especial do TRF-2 vai julgar nesta quinta o processo administrativo disciplinar aberto a pedido da OAB para examinar a conduta do juiz da Lava-Jato no Rio, Marcelo Bretas, que participou no início do ano de uma agenda pública de Jair Bolsonaro.

ASSINE VEJA

Covid-19 no Brasil: o pior já passou Leia nesta edição: Queda na curva de mortes mostra sinais de alívio na pandemia. E mais: por que o futuro político de Lula está nas mãos de Bolsonaro
Clique e Assine

Normalmente, o julgamento de questões disciplinares contra juízes é realizado em sessões fechadas para preservar o magistrado. No caso de Bretas, no entanto, a coisa será diferente. O tribunal decidiu julgar o juiz da Lava-Jato em sessão pública.

Na avaliação da cúpula do tribunal, o “interesse público” em torno do caso justifica a retirada do sigilo.

Publicidade