Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Oi, tchau

Dilma Rousseff distribuiu afagos ontem no jantar, no Palácio Jaburu, com governadores e lideranças nacionais do PMDB. Guardou a frieza para apenas um convidado. Ao cumprimentar cada um dos presentes, Dilma despendia ao menos um pequeno tempo de atenção. O “boa noite” a Eduardo Cunha foi seco e objetivo. Apertaram as mãos, e Dilma virou-se […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 03h46 - Publicado em 28 Maio 2014, 16h29
Nada de reuniões

Sem afago

Dilma Rousseff distribuiu afagos ontem no jantar, no Palácio Jaburu, com governadores e lideranças nacionais do PMDB. Guardou a frieza para apenas um convidado.

Ao cumprimentar cada um dos presentes, Dilma despendia ao menos um pequeno tempo de atenção. O “boa noite” a Eduardo Cunha foi seco e objetivo. Apertaram as mãos, e Dilma virou-se de costas rapidamente.

Dilma deve saber que Cunha anda propalando que, dos 74 votos do diretório do PMDB no Rio, na Convenção Nacional do partido, cinquenta serão contrários à manutenção da aliança com o PT.

Continua após a publicidade
Publicidade