Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Freixo e Tancredo

Marcelo Freixo não esconde a relação com integrantes do tal Instituto de Defesa de Direitos Humanos (DDH), ONG que já deu suporte jurídico à parte da turma dos black blocs. A ponte, porém, vai além da que já se conhece – ou seja, o fato de um funcionário do gabinete de Freixo na Alerj, Thiago […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 04h27 - Publicado em 14 fev 2014, 16h21
Doação declarada

Freixo e Tancredo: afinidade ideológica

Marcelo Freixo não esconde a relação com integrantes do tal Instituto de Defesa de Direitos Humanos (DDH), ONG que já deu suporte jurídico à parte da turma dos black blocs.

A ponte, porém, vai além da que já se conhece – ou seja, o fato de um funcionário do gabinete de Freixo na Alerj, Thiago Melo, ser o tesoureiro da ONG.

O principal nome da cúpula do DDH fez generosas doações para a campanha de Freixo à Prefeitura do Rio de Janeiro, em 2012.

Trata-se de João Tancredo, advogado que, de acordo com Freixo, é seu amigo desde antes da  fundação da DDH. Tancredo encabeça a lista dos diretores no site da instituição.

No total, Tancredo contribuiu com 260 000 reais, um dos maiores doadores do então candidato do PSOL. Os repasses, declarados à Justiça Eleitoral, foram feitos em quatro transferências diferentes, uma delas pelo escritório de Tancredo, que leva seu nome.

Continua após a publicidade

Publicidade