Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Estratégia traçada

Na segunda-feira, a defesa de Carlinhos Cachoeira vai entregar à Justiça sua resposta sobre a nova denúncia envolvendo o bicheiro. Nabor Bulhões, seu advogado, tem dito a colegas que vai derrubar a acusação com certa facilidade. Entre seus trunfos está o fato do Ministério Público ter queimado quase todas as máquinas de caça-níquel que contariam […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 07h18 - Publicado em 30 nov 2012, 16h01

Mais um caso na Justiça

Na segunda-feira, a defesa de Carlinhos Cachoeira vai entregar à Justiça sua resposta sobre a nova denúncia envolvendo o bicheiro.

Nabor Bulhões, seu advogado, tem dito a colegas que vai derrubar a acusação com certa facilidade.

Entre seus trunfos está o fato do Ministério Público ter queimado quase todas as máquinas de caça-níquel que contariam com peças contrabandeadas, sendo impossível fazer uma contraprova pericial.

Além disso, ele sustenta que os componentes eletrônicos das máquinas são os mesmos usados em rádios e outros equipamentos eletrônicos existentes no Brasil.

Assim, em sua opinião, não haveria contrabando: no máximo, o MP poderia acusar os donos das máquinas por descaminho, que é um crime contra a ordem tributária.

Continua após a publicidade
Publicidade