Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Clubes vão ao Congresso pressionar Maia por MP do Mandante

Se não for votada até o fim do mês, matéria perderá validade; presidente da Câmara ainda não indicou relator da medida

Por Robson Bonin - Atualizado em 29 set 2020, 11h29 - Publicado em 29 set 2020, 10h51

Representantes 45 clubes de futebol, sindicato de atletas e treinadores unidos a favor da conversão da MP 984/2020 em lei estarão hoje dia 29 em um ato simbólico no Congresso.

Depois de quatro tentativas fracassadas de serem recebidos pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia, os clubes resolveram partir para o corpo a corpo.

Vão tentar convencer os deputados federais e senadores de que que a aprovação da Lei do Mandante é urgente e fundamental para a democratização das transmissões de futebol no Brasil.

Também vai ocorrer um almoço num hotel de Brasília para discutir a questão com líderes de todos os partidos do Parlamento.

A MP perderá validade se não for aprovada até o fim do mês. Maia ainda não indicou o relator da matéria na Câmara.

Continua após a publicidade
Publicidade