Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

A onda do mequetrefe

Paulo Sérgio Abreu, advogado que ganhou os noticiários ao chamar sua cliente Geiza Dias de uma funcionária “mequetrefe” de Marcos Valério, está aproveitando os louros de sua vitória no julgamento do mensalão. Hoje, quando alguns dos advogados que estão hospedados no Meliá Brasília perguntaram se, como nas outras semanas do julgamento, ele também estava lá, […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 07h50 - Publicado em 19 set 2012, 20h28

Cliente absolvida

Paulo Sérgio Abreu, advogado que ganhou os noticiários ao chamar sua cliente Geiza Dias de uma funcionária “mequetrefe” de Marcos Valério, está aproveitando os louros de sua vitória no julgamento do mensalão.

Hoje, quando alguns dos advogados que estão hospedados no Meliá Brasília perguntaram se, como nas outras semanas do julgamento, ele também estava lá, Abreu aproveitou para tirar sua onda. Veja o que disse:

– Agora que absolvi a Geiza mudei para o hotel dos ricos, dos (advogados) paulistas, fui para o (hotel) Naum ficar junto do Márcio Thomaz Bastos.

Continua após a publicidade
Publicidade