Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Modo Avião Por Tatiana Cunha As dicas certeiras de turismo e os lugares incríveis do planeta para você planejar sua próxima viagem

5 lugares incríveis para admirar a Golden Gate

Os cantinhos escondidos de onde é possível apreciar uma das pontes mais famosas e belas do mundo e o maior símbolo de São Francisco

Por Tatiana Cunha Atualizado em 30 jul 2020, 21h03 - Publicado em 30 jan 2017, 15h50

São Francisco

Tá bom, eu confesso… estou apegada a São Francisco.

Não sei se isso acontece com vocês também, mas às vezes eu encano com um lugar e só quero ir pra lá e voltar e voltar, um milhão de vezes se puder. E atualmente minha obsessão turística é com São Francisco .

Já comentei neste outro post aqui que nas minhas primeiras visitas à cidade nossos santos não tinham batido. Não sei bem explicar o motivo, mas não tinha simpatizado muito com a cidade.

Mas desde que fui pra lá em setembro passado alguma coisa mudou. Comecei a ver a cidade de um jeito diferente e me encantei. Tanto que acabei de voltar de lá outra vez .

Não fiquei muito tempo desta vez, apenas o suficiente para ter certeza de que sim, São Francisco é incrível e que quero voltar logo, hahaha #obcecada.

As casinhas coloridas, as ladeiras super íngremes, os bondinhos, os piers, a arte na rua, a mistura de culturas, a Golden Gate… ah, a Golden Gate!

Não tem como não ir a São Francisco e não ficar de queixo caído com a beleza e imponência desta que é uma das mais famosas pontes do mundo. Sempre levo um susto quando ela surge na minha frente, de maneira inesperada, muitas vezes. O contraste do vermelho de sua estrutura com o céu azul, ou mesmo cinza nos dias mais nublados, é de tirar o fôlego.

selfie

Assim como quando vou a Paris não me canso de admirar e fotografar a Torre Eiffel, em São Francisco a Golden Gate exerce o mesmo fascínio sobre mim. Estou sempre atrás de um ângulo novo que ainda não tinha visto e de um lugar diferente para admirar sua grandeza.

Como desta última vez tinha praticamente acabado de voltar de São Francisco e feito todos os passeios obrigatórios, resolvi que gastaria meus dias concentrada apenas na minha musa.

E divido com vocês aqui os cinco lugares com as vistas mais incríveis que encontrei da Golden Gate.

Deixei de fora os dois Vista Point mais conhecidos, que ficam do outro lado da baía, no Golden Gate National Recreation Area, em Marin Headlands. Um do lado direito da ponte, o outro do lado esquerdo. Sim, a vista de lá é incrível, mas muitas vezes é impossível achar um lugar para estacionar.

 

1. Battery Spencer

São Francisco

Construído em 1893, o Battery Spencer foi por muito tempo um dos principais pontos de proteção de São Francisco. Espécie de forte, foi usado até a Segunda Guerra e hoje é um dos melhores lugares para admirar a vista da ponte famosa. Há poucos lugares para estacionar e é preciso subir um morrinho. Mas você só vai ficar sem fôlego ao chegar ao topo e dar de cara com a Golden Gate bem pertinho, ao seu lado esquerdo. Dependendo do dia o vento pode te atrapalhar, mas não deixe de ir. A vista é maravilhosa. Eu podia passar horas ali, só olhando o movimento dos carros, indo e vindo. Para quem gosta de construções militares é uma boa pedida.

 

2. Point Bonita Lighthouse

São Francisco

Continua após a publicidade

Este é um passeio que vale por dois. Primeiro pela vista da Golden Gate, bem ao fundo, do seu lado esquerdo. E segundo pela vista do Oceano Pacífico do seu lado direito, com direito ao Farol Point Bonita de brinde. Para chegar aqui é preciso pegar a Conzelman Road até o final e ir descendo, descendo… A paisagem é inacreditável de tão linda e já valeria por si só. Mas quando chegar no fim, estacione o carro e faça a trilha para chegar até o farol.

Point Bonita Lighthouse

Tem pouco mais de 1 km e na ida é basicamente uma descida (o que significa que na volta…). Mas vale cada passo. O farol foi construído em 1855 e fica pendurado num rochedo no Pacífico. O barulho do mar batendo nas pedras, a Golden Gate de um lado e o farol do outro… imperdível, faça sol ou chuva (como na hora que cheguei lá).

 

3. Moore Road Pier

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=RlVcKvq5t4Q&w=560&h=315]

Este eu descobri totalmente sem querer. Estava tentando chegar a um lugar (para ver a Golden Gate, claro) e me perdi. Aí cheguei neste tal de Fort Baker. Quando vi que de lá tinha uma possível vista incrível da ponte, comecei a fuçar até achar este pier, que tem uma das vistas mais lindas da baía de São Francisco e dela… Tem bastante lugar para estacionar e é possível fazer uma pequena caminhada até chegar embaixo dos pilares. Dá para passar horas e horas ali só observando a paisagem. A Golden Gate de um lado e downtown São Francisco do outro.

 

4. Battery Godfrey

São Francisco

Este foi outro dos lugares descobertos por acaso. Estava voltando de Baker Beach, onde fui tentar ver o por do sol + a Golden Gate. Como o dia estava nublado, não tive muito sucesso na minha empreitada, apesar de a vista da ponte desde a praia ser linda e valer a visita. Na estradinha de volta, me deparei com um estacionamento e uma placa para Battery Godfrey.

Como não tinha pressa, resolvi parar para ver do que se tratava. Assim como o Battery Spencer, é uma fortificação militar construída entre 1892 e 1896, e, como o objetivo era proteger São Francisco de eventuais invasores, dá pra imaginar que a vista desde lá seja privilegiada… e muito! Basta alguns passos desde o estacionamento e ela surge, imponente. Como cheguei quando estava anoitecendo, a vista era linda, com as luzes dos carros que cruzavam a ponte para lá e para cá. Não fosse o frio e o vento, tinha passado mais tempo por ali.

 

5. West Bluff Picnic Area

São Francisco

Era minha última manhã em São Francisco, o sol tinha surgido, e eu queria achar mais um lugar diferente para ver minha Golden Gate. Dei uma olhada básica no Google Maps e achei um tal de Crissy Field, que me pareceu ter potencial. Coloquei no GPS e lá fui. Mas aí quando estava chegando dei uma desviada para a esquerda e encontrei uma espécie de paraíso… a West Bluff Picnic Area. O estacionamento é enorme (e de graça durante a semana) e uma pequena caminhada te dá esta vista aí de cima (e a da primeira imagem do post).

Como o nome sugere, é um lugar para fazer picnic, cheio de mesinhas, churrasqueiras e afins. Para quem quer praticidade, há um café por lá também, o Warming Hut. E uma lojinha. Muita gente usa o lugar para fazer exercício ou passear com crianças e cachorros. Tem também um pier bem pertinho, o Torpedo Wharf, de onde dá pra fazer fotos incríveis da ponte de um lado e da cidade do outro. Aproveitei que tinha uns snacks no carro e fiz meu picnic por lá. Foi quando começou a garoar… Mas não tive nem tempo de reclamar porque a garoa passou rapidinho e eu ganhei de presente este arco-íris incrível da foto aí de cima. Imperdível. Ah, e nunca fui até o Crissy Field ver do que se tratava (depois olhei no Google e descobri que era uma pista de pouso militar).

 

A saber…

  • Se você não foi a São Francisco recentemente pode não saber que agora não há mais cabines de pedágio para quem atravessa a Golden Gate de carro. A cobrança é feita automaticamente, pela placa do veículo. O que muitas locadoras de carro não te contam e depois te cobram os olhos da cara pela travessia… A dica é pagar antes ou depois de fazer a travessia, na internet mesmo. Neste link aqui você pode pagar sem mistério. Basta um cartão de crédito válido e os dados do seu veículo (pode ser alugado mesmo). Simples e prático e assim você não tem susto depois, ao receber a fatura do aluguel do carro 😉 Ah, a travessia custa US$ 7,50.
  • Você sabia que pode cruzar a ponte a pé ou de bike? A travessia tem mais ou menos 3km e existem várias empresas que alugam bicicletas nas redondezas. Mas atenção… o vento pode ser suuuuper forte em alguns trechos, então é preciso tomar cuidado. Algumas das opções para quem quer alugar uma bike são a Blazing Saddles, a City Ride Bike Rentals e a The San Francisco Bike Hut.
  • Alguns números sobre a Golden Gate… Ela tem 2.737 m de comprimento e, em seu ponto mais alto, tem 227 m. A altura de seu vão livre é de 67 m. Ela foi inaugurada em 27 de maio de 1937, ou seja, comemora 80 anos agora. A ponte começou a ser construída em 1933 e demorou quatro anos para ser concluída. Na época, o custo da obra foi de US$ 35 milhões. Estima-se que hoje custaria US$ 1.2 bilhão para ser erguida. É um dos principais locais do mundo escolhido por suicidas, com mais de 1.500 mortes já registradas _estima-se que 2% das pessoas que pulam sobrevivam.

 

Para saber mais: http://www.visitcalifornia.com

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade