Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Felipe Moura Brasil Por Blog Análises irreverentes dos fatos essenciais de política e cultura no Brasil e no resto do mundo, com base na regra de Lima Barreto: "Troça e simplesmente troça, para que tudo caia pelo ridículo".

Em 2 tuítes, o extremo cinismo de um deputado do PT

Por Felipe Moura Brasil Atualizado em 31 jul 2020, 02h22 - Publicado em 8 jan 2015, 00h25

Captura de Tela 2015-01-07 às 23.12.22

Equiparar o fato consumado a hipóteses embusteiras, igualando o inigualável com perguntinhas retóricas como “Será?”, é expediente típico de mentes esquerdistas como a do deputado estadual recém-eleito pelo PT Durval Angelo – aquele do “dedo-forte” nos Correios -, que se aproveita dos 12 mortos no ataque em Paris para alimentar o ódio anticristão e posar de defensor de gays, negros e demais “minorias”.

O extremismo que existe perto de nós, na verdade, é aquele que seu partido endossa no Foro de São Paulo e na Unasul: o de grupos terroristas narcotraficantes como as Farc e de ditaduras socialistas assassinas como Cuba e Venezuela – sem falar nos vínculos do PT com o PCC e deste com o Hezbollah.

Ninguém está mais próximo do terror islâmico na América Latina do que os aliados dos petistas. Mas quanto mais afundados na lama, mais os petistas xingam os outros do que são.

Felipe Moura Brasil ⎯ http://www.veja.com/felipemourabrasil

Siga no Twitter, no Facebook e na Fan Page.

Continua após a publicidade
Publicidade