Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Delírio comunista

Manuela D'Ávila explica que Lula tem o direito de disputar a eleição por ser mais brasileiro do que os brasileiros comuns

Por Augusto Nunes - Atualizado em 24 jan 2018, 14h30 - Publicado em 24 jan 2018, 13h28

“O que está em jogo não é o mero direito de um brasileiro concorrer à eleição. Mas a manutenção da ideia de que qualquer brasileiro pode concorrer”. (Manuela D’Ávila, deputada estadual pelo PCdoB do Rio Grande do Sul e pré-candidata à Presidência da República, num ato da UNE a favor de Lula, sem explicar se a lei da Ficha Limpa — que torna inelegíveis condenados em Segunda Instância — também vale para qualquer brasileiro, ou vale para qualquer brasileiro, com exceção de Lula)

Publicidade