Clique e assine com 88% de desconto
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Riso suspeito

“O governador Confúcio me disse uma frase muito interessante. O governador Confúcio disse para mim que ele fazia ajuste fiscal diário, porque ele tinha uma superintendente que controlava diariamente os gastos de custeio, enfim, os gastos que o estado de Rondônia tinha, e que, então, ele fazia – e acho que todos nós fazemos – […]

Por Augusto Nunes - Atualizado em 10 fev 2017, 17h29 - Publicado em 31 jul 2015, 17h12

“O governador Confúcio me disse uma frase muito interessante. O governador Confúcio disse para mim que ele fazia ajuste fiscal diário, porque ele tinha uma superintendente que controlava diariamente os gastos de custeio, enfim, os gastos que o estado de Rondônia tinha, e que, então, ele fazia – e acho que todos nós fazemos – controle diário de gastos. Vejo o riso estampado no rosto do Joaquim Levy”.

Dilma Rousseff, nesta quinta-feira, durante a reunião com os governadores no Palácio da Alvorada, com cara de quem quer saber se o ministro da Fazenda estava rindo da frase do Confúcio brasileiro ou das mentiras da presidente.

Publicidade