Clique e assine a partir de 9,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

É, mas não é

“Manobra, essa palavra é muito forte. Estamos fazendo um debate político com base no regimento, nas disposições constitucionais e na legislação deste país”. Gleisi Hoffmann, ao explicar que prefere não chamar de manobra a manobra tramada por parlamentares governistas para assassinar a CPI da Petrobras.

Por Augusto Nunes - Atualizado em 15 fev 2017, 14h55 - Publicado em 4 abr 2014, 01h14

“Manobra, essa palavra é muito forte. Estamos fazendo um debate político com base no regimento, nas disposições constitucionais e na legislação deste país”.

Gleisi Hoffmann, ao explicar que prefere não chamar de manobra a manobra tramada por parlamentares governistas para assassinar a CPI da Petrobras.

Publicidade