Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Espancamento de transgênero Ivan dá 43 pontos em capítulo corujão

Novela foi ao ar mais tarde, excepcionalmente, por causa do jogo do Brasil contra o Chile pelas Eliminatórias da Copa

*Atualização, às 13h50: a prévia indicava 42 pontos de audiência, mas no consolidado do Ibope o capítulo ficou com 43 pontos de média em São Paulo

 

Nem o adiantado da hora tirou o público da frente do capítulo de A Força do Querer, na noite desta terça-feira. Em um episódio marcado pela derrocada de Bibi Perigosa (Juliana Paes), que volta ao Rio com uma mão na frente e outra atrás depois da prisão do marido, Rubinho (Emilio Dantas), pela luta de Ritinha (Isis Valverde) para recuperar a guarda do filho e pelo espancamento do transgênero Ivan (Carol Duarte), a trama das 9 da Globo marcou 42 pontos na prévia do Ibope na Grande São Paulo.

O número foi divulgado em tom de festa pela autora, Gloria Perez, no Twitter. “42 na prévia, quase à meia-niote, foi um recorde e tanto”, escreveu Gloria.

Ivan tomou uma surra de um grupo de homofóbicos — um dele careca como um neonazista — enquanto seguia a pé para um show. Ouviu coisas como “viadinho” e não se conteve, mostrou o dedo do medo ao grupo, que o jogou no chão e encheu de pancada.

A surra foi o sacrifício necessário, embora involuntário, de Ivan para ser enfim reconhecido como é pela mãe, Joyce (Maria Fernanda Cândid0), que é quem mais resiste a aceitar que a filha Ivana é, na verdade, um garoto.

No capítulo desta quarta-feira, ao se deparar com Ivan ensanguentado, deitado, sozinho, em um canto de um hospital, Joyce vai enfim chamá-lo de “filho”. Ivan, que está grávido da única relação sexual que teve com o ex-namorado, Cláudio (Gabriel Stauffer), deve perder o bebê.

Joyce (Maria Fernanda Candido) encontra Ivan (Carol Duarte) ensanguentado no hospital e pela primeira vez o chama de ‘filho’ (Reprodução/TV Globo)

Joyce (Maria Fernanda Candido) encontra Ivan (Carol Duarte) ensanguentado no hospital e pela primeira vez o chama de ‘filho’ (Reprodução/TV Globo)

 

 

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Canal para idiotas, uma forçação de barra por parte dos autores em busca de uma audiência. Temos tantos atos crimiosos para praticados no pais, mortes por celular, par tênis etc.etc. assaltos seguindo-se de morte onde os criminosos são velhos conhecidos da polícia e amigos do judiciário. Acorda povinho.

    Curtir

  2. Carla Aretuza Andrade Bisi

    kkkkkkkkkkk… Quando esforço hein Veja para dizer que o boicote não funcionou… E quem acredita nessas pesquisas???

    Curtir

  3. Somos todos dona REGINA!
    BOLSONARO 2018!
    PROVOCA MAIS VEJA E GLOBO. BATE MAIS EM BOLSONARO E OFENDA MAIS A FAMÍLIA BRASILEIRA.
    O MITO SÓ CRESCE!

    Curtir

  4. A ÚNICA FORMA DE VERCER O MAL É COM O ÓDIO!
    VAMOS FOMENTAR O ÓDIO A VEJA, REDE GLOBO, AOS MUTANTES, AOS ARTISTAS QUE DEFENDEM PEDOFILIA ETC!
    ACABOU A PALHAÇADA!

    Curtir