“Enviaremos humanos a Marte por volta de 2030”, diz Obama

O presidente americano afirmou que governo vai trabalhar com empresas para cumprir a meta, em artigo publicado nesta terça-feira na rede americana 'CNN'

O presidente Barack Obama anunciou nesta terça-feira que os Estados Unidos, em conjunto com a indústria privada, deve enviar astronautas a Marte por volta de 2030. Em artigo publicado na rede americana CNN nesta terça-feira, Obama afirmou que, para cumprir a meta de enviar humanos ao planeta e trazê-los em segurança para a Terra, o governo está cooperando com investidores.

Leia também:
Nasa testa imenso propulsor que pode levar humanidade a Marte
Nasa revela detalhes da colonização de Marte

“Estabelecemos uma meta clara, vital para o próximo capítulo da história americana no espaço: enviar humanos a Marte por volta de 2030 e trazê-los em segurança de volta para a Terra, com a ambição de, um dia, ficar lá por um longo período”, afirmou o presidente.

Segundo Obama, o governo, em conjunto com a iniciativa privada, está construindo novas “cápsulas infláveis” para transportar os astronautas em missões de longa duração além da órbita terrestre.”Estas missões nos ensinarão como os humanos podem viver longe da Terra, algo de que precisamos para a longa viagem a Marte”, afirmou o presidente.

O texto foi publicado dois dias antes de uma conferência organizada pela Casa Branca, pela Universidade de Pittsburg e pela Universidade Carnegie Mellon, que vai reunir cientistas, engenheiros e especialistas americanos para discutir o futuro da ciência, tecnologia e inovação no país.

Segundo o presidente americano, mais de 1.000 empresas em quase todos os cinquenta estados americanos estão trabalhando em iniciativas espaciais privadas.

Obama também insistiu na importância do investimento na formação de estudantes, que serão os futuros cientistas que vão construir os meios para ultrapassar as fronteiras terrestres.

“Se tornarmos nossa liderança no espaço ainda mais forte neste século do que foi no passado, não nos beneficiaremos apenas dos avanços relacionados em energia, medicina, agricultura e inteligência artificial, nos beneficiaremos também de uma melhor compreensão de nosso ambiente e de nós mesmos”, afirmou Obama.

Iniciativas

Há oito anos, quando Obama assumiu o cargo, disse que os Estados Unidos planejavam enviar pessoas ao planeta até 2030. Para esta proposta, a Nasa está desenvolvendo um foguete conhecido como Sistema de Lançamento Espacial (SLS) e a cápsula espacial Orion. O primeiro lançamento do SLS, tripulado, está planejado para 2018.

A SpaceX, uma empresa com sede na Califórnia e liderada pelo executivo Elon Musk, planeja também mandar astronautas a Marte nos próximos anos.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. cesar augusto oliveira

    Meu caro amigo Obama, aqui no Brasil tem bastante astronauta para Marte: Lula, Palocci, José Dirceu,e bastante construtoras para a nave espacial. Faça essa caridade, obrigado.

    Curtir

  2. Sergio Cihgral

    A afirmação de Obama pode ser encarada de duas formas. A primeira seria reputá-la por uma bravata; apenas. A segunda forma seria encarar esta declaração como sendo um projeto sério e viável, do qual decorreria o fato inexorável do ser humano se lançando para degenerar o meio ambiente de Marte. Esta segunda afirmação não decorre do domínio humano da tecnologia, mas da característica inerente ao ser humano. O “terraforming” na realidade é um mal.

    Curtir

  3. housekeeping

    e passagem só de ida?

    Curtir

  4. Já que o planeta é vermelho mesmo, mande os ladrões do PT numa passagem de ida sem capacete

    Curtir

  5. Marcos Ficarelli

    Um golpe eleitoreiro à la Dilma. Claro que a NASA está nesse projeto há tempo, mas agora só interessa eleger a Clinton (pior é que faz bem!)

    Curtir