Clique e assine com até 92% de desconto

Veja Saúde: O que é fibrilação atrial e como é o tratamento

No programa, entenda como é o diagnóstico da arritmia e porque o problema aumenta o risco de AVC

Por Natalia Cuminale Atualizado em 10 Maio 2019, 20h00 - Publicado em 10 Maio 2019, 10h00

A fibrilação atrial, popularmente conhecida como arritmia, é caracterizada pelo batimento irregular do coração. O problema ocorre em até 2% da população e torna-se mais comum conforme o envelhecemos. Quando as câmaras do coração não se contraem em um ritmo sincronizado, as pessoas podem ter sintomas como palpitações, fadiga e falta de ar. O diagnóstico é fundamental porque, sem tratamento, a fibrilação atrial pode aumentar o risco de acidente vascular cerebral.

No programa Veja Saúde, a jornalista Natalia Cuminale entrevista o cardiologista Renato Lopes, professor da divisão de cardiologia da Duke University Medical Center. Lopes foi autor de um estudo apresentado em março no Congresso Americano de Cardiologia e publicado no mesmo período pelo New England Journal of Medicine. A pesquisa mostrou que remédios geralmente indicados para afinar o sangue e impedir o AVC, como o ácido acetilsalicílico, podem aumentar o risco de sangramento.

  • Semanalmente, o programa Veja Saúde recebe médicos e especialistas das mais variadas áreas para falar sobre qualidade de vida e cuidados com o corpo e a mente. O programa também tem a versão curta, em pílulas, sobre vários temas.

    Publicidade