Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Geddel, Alves e Loures nas mãos de Moro

Ministro Edson Fachin enviou acusações para a Justiça Federal no Paraná. Acompanhe o ‘Giro VEJA’

Por Nicole Fusco Atualizado em 10 dez 2018, 17h47 - Publicado em 1 nov 2017, 18h19

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, enviou ao juiz Sergio Moro a acusação contra o núcleo do PMDB na Câmara. O ex-presidente da Casa Eduardo Cunha, os ex-ministros Geddel Vieira Lima e Henrique Eduardo Alves e o ex-assessor de Temer Rodrigo Rocha Loures foram acusados por organização criminosa.

Já a acusação por obstrução de Justiça contra os executivos da JBS Joesley Batista e Ricardo Saud, o doleiro Lúcio Funaro, Cunha e Rocha Loures foi enviada para a Justiça Federal em Brasília.

O presidente Michel Temer e os ministros Eliseu Padilha e Moreira Frnaco também foram denunciados nesse mesmo processo, mas a acusação está suspensa enquanto durar o mandato deles.

  • Publicidade