Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Dicas Enem 2018: A física aplicada no dia a dia

Há poucos dias da primeira prova, o professor Madson Molina mostra situações cotidianas em que a física se aplica e podem ser cobradas no Enem

Por Leandro Nomura, Da Redação - Atualizado em 1 nov 2018, 15h52 - Publicado em 1 nov 2018, 15h33

Neste domingo (4 de novembro), o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) realiza a sua primeira prova, com questões sobre linguagens e ciências humanas, além da redação. Na semana seguinte, no dia 11, é a vez de ciências da natureza e matemática.

As questões de física presentes no Enem apresentam sempre uma contextualização com situações do nosso cotidiano, explica o professor Madson Molina. “O Enem segue uma premissa de que todo conhecimento aprendido em sala de aula tenha significado no dia a dia dos alunos.”

A utilização do ‘Bluetooth’ e a duração da bateria do aparelho celular são situações muito conhecidas pelos alunos e que, estatisticamente, são comuns no Enem. Por isso, Molina sugere que o candidato fique atento ao seu entorno e perceba a presença de conceitos da física para não haver muitas surpresas na hora da prova.

 

Publicidade

 

Publicidade
Publicidade