Clique e assine com até 92% de desconto

Os desafios da Amazon na adoção de entregas com drones

Privacidade, concorrência e infraestrutura das cidades são alguns obstáculos com que a varejista terá que se preocupar antes de lançar o novo serviço

Por Da Redação 2 dez 2013, 18h25

O fundador da Amazon, Jeff Bezos, revelou em entrevista ao programa 60 Minutes, do canal CBS, que a Amazon planeja usar mini-drones (aviões não-tripulados) para entregar pacotes pequenos a seus clientes em até trinta minutos. Segundo o executivo, o Amazon Prime Air, como foi batizado o serviço, deve começar a operar em cinco anos.

A adoção de drones na logística da empresa é inovadora, mas a Amazon terá que enfrentar muitos desafios para fazer com que a solução funcione bem no mercado americano. Durante a conversa com o apresentador Charlie Rose, na noite de domingo, Bezos admitiu estar otimista em relação ao novo serviço, mas também reconheceu que terá que pensar em muitos obstáculos antes de lançar a ideia.

Confira a seguir alguns desafios que a Amazon terá que enfrentar para ganhar relevância na entrega de mercadorias realizadas com drones:

Publicidade