Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Larry Page deve apresentar resultados do Google 5.ª feira

Investidores estão curiosos para saber quais serão as estratégias do novo CEO

Por Da Redação 13 abr 2011, 12h02

Larry Page, o novo presidente-executivo do Google, deve anunciar os resultados financeiros da empresa durante o primeiro trimestre nesta quinta-feira (14). O desempenho do executivo, com suas visões sobre gastos e competição, será acompanhado de perto por investidores e analistas. As ações do Google acumulam queda de 9% desde o começo de janeiro, quando Page foi anunciado o sucessor do veterano Eric Schmidt no comando da maior empresa de internet do mundo.

Até agora a companhia manteve sigilo sobre a participação de seu novo líder na apresentação. Embora seja extensa a lista de presidentes-executivos de empresas de tecnologia que não participam de teleconferências, incluindo Steve Ballmer (Microsoft) e Steve Jobs (Apple), alguns analistas e investidores acham que a ausência de Page seria um sinal negativo para o mercado. “O que afeta o valor ação? Incerteza. Se ele não eliminar a incerteza, haverá outra onda de desvalorização das ações”, afirmou o analista Ben Schachter, da Macquarie Research, ao lembrar que o jovem executivo tem que conquistar a confiança de quem realmente coloca dinheiro na empresa.

Menos de duas semanas após o co-fundador do Google assumir o cargo de presidente-executivo, investidores já estão ansiosos por mais detalhes sobre os planos e estratégias da companhia, uma vez que a gigante das buscas enfrenta forte concorrência do Facebook e da Apple e investigações crescentes de órgãos reguladores. Page rapidamente tomou decisões para simplificar a burocracia nos altos escalões do Google durante seus primeiros dias no posto.

Analistas estimam que o Google, que superou as expectativas de receita nos últimos seis trimestres, eleve sua receita em 25% no primeiro trimestre na comparação anual, para 6,32 bilhões de dólares. O lucro ajustado por ação deve ficar em 8,11 dólares, segundo a média das projeções de analistas.

(Com agência Reuters)

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês