Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Sistema da TAM volta a operar em todo o país

Pane na manhã desta sexta-feira causou longas filas nos principais aeroportos; em Congonhas, tempo de espera para embarque chegou a duas horas

O sistema de check in da companhia aérea TAM voltou a funcionar às 11h40 desta sexta-feira, informou a empresa. A pane causou longas filas nos principais aeroportos do país durante a manhã. A pane ocorreu no link de conexão da SITA, empresa de tecnologia que presta serviços para a TAM. Por causa disso, a impressão dos cartões de embarque e das etiquetas de bagagens teve de ser feita manualmente.

No início da manhã houve muitos transtornos no Aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de São Paulo, por exemplo. Por volta de 8 horas, o tempo de espera chegou a duas horas para embarque.

Internet – Às 11h20 os totens de atendimento voltaram a operar em Congonhas. Logo em seguida, as filas nos guichês começaram a diminuir e o sistema voltou a funcionar. A companhia orientou os passageiros a fazer o check in pela internet para agilizar o embarque.

Foi o que fez o professor Adriano Moro, de 36 anos. Com voo marcado para Belo Horizonte às 13h50, ele chegou a Congonhas com duas horas de antecedência, depois de fazer o check in pela internet em casa. Só precisava despachar as bagagens: “Fiquei sabendo que o siste estava com prolbema e fiz chek pela internet. Além disso, cheguei com muita antecedência para evitar problemas” .

Segundo balanço divulgado no site da Infraero, entre meia-noite e meio-dia desta sexta-feira 114 dos 1209 voos previstos sofreram atrasos, o que representa 9,4% do total. Ao todo, 54 voos foram cancelados (4,5%) no período.

Juntas, TAM e Gol têm mais da metade do total de voos domésticos previstos para esta sexta. Um problema em uma das duas companhias, portanto, acaba causando reflexo grande na malha viária.