Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Técnico do Barcelona dispensa Suárez e diz que conta com Coutinho

Técnico Ronald Koeman já iniciou um grande processo de reformulação da equipe para a próxima temporada. Futuro de Messi ainda é incerto

Por Danilo Monteiro Atualizado em 25 ago 2020, 15h22 - Publicado em 24 ago 2020, 13h03

Um Barcelona repaginado. É o que se espera para a próxima temporada europeia, depois da campanha sem títulos nacionais e goleada histórica sofrida para o Bayern de Munique, por 8 a 2, na Liga dos Campeões. O líder da reformulação do clube é o técnico holandês Ronald Koeman, que segundo a rádio catalã RAC1, informou para o atacante Luis Suárez, por telefone, que não contará com ele.

Suárez chegou ao Barcelona em 2014 e foi uma das peças fundamentais do clube na conquista da Champions em 2015 e de quatro taças do Campeonato Espanhol. O atacante uruguaio disputou 283 partidas pela equipe e marcou 198 gols, se tornando o terceiro maior artilheiro da história do Barcelona. Aos 33 anos, o veterano agora negociará a rescisão de seu contrato, válido até 2021, e ficará disponível no mercado.

  • O segundo passo de Koeman no processo de reformulação, segundo o jornal catalão Mundo Deportivo, foi avisar o brasileiro Philippe Coutinho que ele terá uma nova chance no Barcelona, após vencer o título da Champions com o Bayern. O meia foi contratado por 160 milhões de euros (cerca de 1 bilhão de reais na cotação atual) em 2018, mas não teve um bom desempenho e foi emprestado ao time alemão.

    Koeman, ainda de acordo com o diário, disse a Coutinho por telefone que ele será uma das peças importantes da equipe para a próxima temporada. O meia voltará ao Brasil para comemorar o título da Champions com a família e depois viajará para a Catalunha para iniciar os treinos. Aos 28 anos, o brasileiro ainda tem três anos de contrato com o Barcelona.

    O desmanche no Barcelona pode ser ainda maior com o passar dos dias. Koeman, segundo o jornal espanhol Marca, também conversou com o zagueiro Samuel Umtiti, o lateral Junior Firpo e os volantes Arturo Vidal e Ivan Rakitic, para informá-los que também serão dispensados. Ídolos do clube, o zagueiro Gerard Piqué e o volante Sergio Busquets têm futuro incerto para a próxima temporada e aguardam contato do treinador.

    Agora o mistério fica em torno da estrela maior, Lionel Messi. Segundo informações do jornalista brasileiro Marcelo Bechler, do Esporte Interativo, o argentino ficou muito decepcionado com mais uma eliminação vexatória na Liga dos Campeões e avisou dirigentes e seu entorno que gostaria de deixar o único clube que defendeu profissionalmente. Koeman já disse publicamente que conta com Messi, mas seu nome deve agitar o mercado de transferência nas próximas semanas. A Inter de Milão é apontada pela imprensa europeia como principal interessada.

     UOL Esporte Clube | Assine e acompanhe transmissões de grandes jogos e programas esportivos de onde você estiver.

    Continua após a publicidade
    Publicidade