Clique e assine com até 92% de desconto

Se Brasil vencer próximo jogo, São Paulo pode ter ‘feriado’ de cinco dias

Duas partidas da seleção, fim de semana e feriado regional: tudo em sequência, em caso de outra vitória, para que paulistas se despeçam das folgas da Copa

Por Da Redação Atualizado em 2 jul 2018, 23h28 - Publicado em 2 jul 2018, 13h20

Durante os jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo, como já é hábito no país, o Brasil para, expedientes são encurtados, adiantados ou adiados, em empresas privadas e repartições públicas. Parte considerável dos brasileiros aproveita para, de fato, torcer pelo time do técnico Tite, mas uma outra parcela apenas aproveita para descansar.

Seja como for, os que moram no estado de São Paulo têm mais um motivo para comemorar após a vitória do Brasil, por 2 a 0, contra a seleção do México. Isso porque a seleção já tem data e hora para voltar a campo: sexta-feira, às 15 horas, contra o vencedor do confronto entre Bélgica e Japão.

Só que o fim de semana antecipado pode virar quase um “feriadão” de cinco dias. Na segunda-feira, 9 de julho, comemora-se o dia da Revolução Constitucionalista de 1932  movimento nascido em São Paulo contra o governo provisório de Getúlio Vargas  , que é feriado em todo o estado. Para completar, uma nova vitória na próxima partida, na sexta-feira, 6 de julho, vai representar uma volta a campo na próxima terça-feira, 10, enfrentando o vencedor de França e Uruguai.

  • Como todo feriado, a festa popular tem impacto na atividade econômica do Brasil, mas é considerada quase inadiável por empresários apesar de não existir obrigação alguma na liberação, que fica totalmente a critério dos patrões e pode representar uma exigência de compensação.

    Se a seleção continuar o rumo de vitórias, é bom também aproveitar os dois próximos dias, porque a grande final, se a seleção chegar até lá, será em um domingo.

    Continua após a publicidade
    Publicidade