Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Messi detona gramados antes de clássico: ‘Bola parece um coelho’

Em busca de seu primeiro título pela seleção argentina adulta, craque demonstrou confiança para a semifinal no Mineirão

Lionel Messi se mostrou animado e confiante para o clássico diante do Brasil depois de conseguir nesta sexta-feira, 28, avançar para as semifinais da Copa América ao vencer por 2 a 0 a Venezuela, no Maracanã. O craque da seleção argentina, no entanto, fez novas críticas às condições do gramado no torneio.

“Os campos realmente são muito difíceis, não favorecem o bom jogo. Junta muita gente no meio e para sair disso tem que jogar rápido e com esses gramados não dá, não se consegue conduzir. (…) É uma vergonha, a bola quica para todos os lados, parece um coelho.” Antes, ele já havia reclamado do gramado da Arena do Grêmio.

Veja também

Perguntado sobre o duelo entre as duas superpotências do continente marcado para terça-feira no Mineirão, 2, em Belo Horizonte, Messi declarou: “É difícil dizer quem é favorito entre Argentina e Brasil, e ainda mais nesta Copa América, tão igualada. Eles jogam em casa e terão de sair para o jogo para agradar a sua torcida. Faz mais tempo que estão com esse projeto, o mesmo treinador, as mesmas ideias….”

“Temos respeito por eles, sabemos o que o Brasil significa. Mas mesmo jogando em casa, eles têm se desgastado muito, a classificação foi difícil. Mas o Brasil tem jogadores que desequilibram”, completou.

O camisa 10, que busca seu primeiro título com a seleção adulta, surpreendeu ao fazer uma autocrítica: “Não está sendo minha melhor Copa América, o que eu esperava. Mas, como disse, não se pode jogar muito, para atacar, fazer algo diferente, se junta muita gente na frente também. Mas o importante é que vencemos, temos que seguir.”.

(com agência AFP)