Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mauro Galvão escala sua seleção ideal com craques do presente e do passado

Três vezes Bola de Prata, ex-zagueiro de Inter, Grêmio e Vasco escala ex-companheiros e a si mesmo

ESQUEMA 4-4-2

Goleiro

TAFFAREL – Brasil

“Jogou também no Inter, mas o destaque na seleção é ainda mais marcante.”

Lateral-direito

CAFU – Brasil

“Principalmente pela regularidade. Era forte, sabia cruzar, marcar, ia à frente.”

Zagueiro

FIGUEROA – Chile

“Acompanhei no Chile e no Inter. Referência, apesar de ter outra característica.”

Zagueiro

MAURO GALVÃO – Brasil

“Não vou fazer charminho, não. Eu sei que posso jogar nesse time aí.”

Lateral-esquerdo

ROBERTO CARLOS – Brasil

“Jogou bastante. Ocupou essa posição na seleção por 10 anos, não é fácil.”

Volante

FALCÃO – Brasil

“Vi jogar e joguei com ele. Volante, meia, fazia tudo. Um meio-campista ideal.”

Meia

ZICO – Brasil

“Pela qualidade, conclusão. Decidiu muitas partidas e era a referência do time.”

Meia

RONALDINHO GAÚCHO – Brasil

“É um jogador com muito talento e teve aqueles dois anos mágicos no Barcelona.”

Meia

PELÉ – Brasil

“O Pelé pode? Bem, não preciso nem comentar, então.”

Atacante

RONALDO – Brasil

“Conseguia superar os zagueiros na explosão, além da frieza na conclusão.”

Atacante

ROMÁRIO – Brasil

“Não tinha ninguém como ele dentro da área, sabia se posicionar.”