Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Champions: Real Madrid recebe Juventus com grande vantagem

Após vencer por 3 a 0 em Turim, time espanhol se classifica até com derrota por dois gols de diferença. Jogo pode marcar despedida de Buffon do torneio

Vencedor das últimas duas edições do torneio, o Real Madrid enfrenta a Juventus nesta quarta-feira, no Santiago Bernabéu, na capital espanhola, com grandes chances de se classificar novamente para as semifinais da Liga dos Campeões. Com vitória por 3 a 0 em Turim, com direito a um golaço de bicicleta de Cristiano Ronaldo, o time espanhol pode chegar à oitava semifinal seguida perdendo por até dois gols de diferença.

O técnico Zinedine Zidane tem equipe completa do meio-campo para frente, mas enfrenta problemas para escalar a defesa. O capitão Sergio Ramos está suspenso, enquanto Nacho, substituto natural, está machucado. A segunda opção é Jesús Vallejo, que jamais atuou pela Champions e se recupera de uma sobrecarga muscular. Uma alternativa pode ser a improvisação do volante brasileiro Casemiro como zagueiro, para jogar ao lado de Varane, e escalar Kovacic na cabeça de área.

Na Juventus, que precisa vencer por pelo menos três gols de diferença, Paulo Dybala, expulso na primeira partida, é desfalque certo. Mario Mandzukic está de volta e deverá ocupar o espaço deixado pelo argentino em uma das pontas, com Douglas Costa na outra e Gonzalo Higuaín centralizado. Na defesa, Mehdi Benatia estará de volta depois de ter cumprido suspensão em Turim.

Buffon: sem drama sobre despedida

Real Madrid vs Juventus

Cristiano Ronaldo marca seu primeiro gol e Giorgio Chiellini do Juventus reage a jogada no Estádio Allianz em Turim – 03/04/2018 (Tony Gentile/Reuters)

O goleiro juventino Gianluigi Buffon, de 40 anos, disse que se a partida da próxima quarta-feira for a última de sua carreira pela Liga dos Campeões não haverá drama e ficará satisfeito por ter sido no estádio Santiago Bernabéu.

“É uma possibilidade, mas não é uma coisa que me deprima ou me leve a ter pensamentos negativos. Não é um drama. Inclusive, se for assim, quando criança , se me perguntassem se eu gostaria de jogar a minha última partida de Champions no Bernabéu contra o Real Madrid eu diria que sim. Temos de ver o lado positivo das coisas”, declarou.

Buffon também respondeu sobre à possibilidade de ser ovacionado pelo que fez ao longo da carreira. “Na vida aprendi que não se deve esperar nada. Se acontecer, será brilhante. Sempre que joguei aqui no Bernabéu com a Itália e com a Juventus o público foi muito generoso e sempre nos aplaudiu”, comentou. O goleiro campeão do mundo com a Itália deve se aposentar ao fim da temporada. Ele jamais conquistou a Liga dos Campeões (foi vice em 2003, 2015 e 2017).