Clique e assine com 88% de desconto

Suspeito é morto após ataque a quartel da polícia em Dallas

O local foi alvo de tiros na noite de sábado

Por Da Redação - 13 jun 2015, 16h38

Um homem que atacou a sede da polícia de Dallas no início deste sábado com tiros e explosivos foi morto por atiradores de elite, informaram as autoridades americanas.

Acredita-se que o agressor tenha agido sozinho, por motivos pessoais, e que não tenha conexão com grupos terroristas, disse o chefe da polícia de Dallas, David Brown.

Segundo Brown, atiradores de elite da polícia dispararam contra o suspeito através do pára-brisa de uma van no estacionamento de um restaurante de fast-food ao sul da cidade.

O suspeito aparentava ser um homem que culpava autoridades por perder a custódia de seu filho, que está agora no ensino médio, disse o Dallas Morning News.

Publicidade

Leia também:

Tiroteio em universidade dos EUA deixa 3 feridos

Após dois dias, fuga cinematográfica mobiliza polícia de Nova York

Tiroteio – Pouco depois da meia-noite, o homem abriu fogo de dentro de sua caminhonete contra as viaturas e policiais. A polícia então iniciou uma perseguição pelos subúrbios da cidade.

Publicidade

“Acho que fomos abençoados para que nossos oficiais sobrevivessem a esta experiência”, comentou David Brown. “Há buracos de bala em várias viaturas, entre as quais onde estavam agentes sentados. Há buracos de bala na sala de recepção, onde havia policiais (…). Há buracos de bala na fachada do prédio (…), no segundo andar tem buracos de bala, o balcão de informações tem buracos de bala por todas as partes”, acrescentou.

A polícia também encontrou pelo menos quatro pacotes suspeitos no entorno da delegacia, um dos quais contendo uma bomba caseira, que explodiu, segundo as autoridades locais, sem ferir ninguém.

(Com Reuters e AFP)

Publicidade