Clique e assine a partir de 9,90/mês

Polícia francesa prende 7 pessoas por relação com ataque

Atirador mata uma policial e fere um agente de limpeza em um incidente no sul de Paris. Polícia não sabe se há ligação com o atentado contra a revista

Por Da Redação - 8 jan 2015, 05h36

(Atualizado às 8h41)

A polícia francesa prendeu na madrugada desta quinta-feira pelo menos sete pessoas por suspeita de ligação com os terroristas que atacaram a sede da revista satírica Charlie Hebdo. As detenções foram realizadas durante a megaoperação policial lançada para caçar os responsáveis pelas doze mortes no atentado. A força-tarefa mobilizou milhares de policiais, helicópteros e serviços de inteligência. Segundo a rede britânica BBC, as prisões aconteceram nas cidades de Paris, Reims e Charleville-Mezieres. Os dois principais suspeitos do atentado, no entanto, ainda não foram capturados e a polícia segue mobilizada em todo o país. Na manhã desta quinta-feira, um tiroteio em Montrouge, pequeno município ao sul de Paris, deixou uma policial morta e um funcionário de limpeza ferido, segundo a agência France-Presse. A polícia francesa isolou o local dos disparos. Ainda não se sabe se há relação entre o incidente e o ataque contra a revista.

Leia mais:

Um dos três suspeitos do atentado terrorista em Paris se entrega

Continua após a publicidade

Saiba quem são as 12 vítimas do ataque contra a ‘Charlie Hebdo’

se entregou

vítimas

comoção

Continua após a publicidade

cartunistas

Publicidade