Clique e assine com 88% de desconto

Polícia encontra carro com botijões de gás perto da Notre Dame

De acordo com a imprensa francesa, a unidade antiterrorista foi chamada ao local, mas não encontrou nenhum detonador no veículo

Por Da redação - 7 set 2016, 11h34

Duas pessoas foram detidas nesta quarta-feira depois que a polícia francesa encontrou dois botijões de gás em um carro estacionado perto da catedral de Notre Dame de Paris no fim de semana passado. De acordo com a imprensa francesa, a unidade antiterrorista foi chamada ao local, mas não encontrou nenhum detonador no veículo. O proprietário do carro e uma pessoa próxima, ambos com ficha na polícia, foram detidos nesta terça.

O alerta para a presença do carro foi feito por um funcionário da catedral. Ele notou o veículo estacionado com a carga, o pisca-alerta ligado, sem placa, na margem do Sena diante da catedral de Notre Dame de Paris, uma das principais atrações turísticas da cidade.

Leia também
Paris anuncia construção de campos para receber 1.000 refugiados
EI planejava atacar outros alvos em Paris em 13 de novembro
Mães com véu islâmico são barradas em creche na França

A França está sob uma ameaça terrorista sem precedente há um ano e meio. Nos últimos meses, vários atentados reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI) abalaram o país. No dia 14 de julho, 86 pessoas morreram atropeladas por um caminhão em Nice durante as celebrações do Dia da Bastilha.

Menos de 15 dias depois, dois jovens extremistas mataram um padre em Rouen. O EI também reivindicou os ataques de Paris em novembro de 2015, que custaram a vida 130 pessoas. O primeiro-ministro Manuel Valls repetiu em várias ocasiões que a França deve estar preparada para a possibilidade de novos ataques, aprender a viver com a ameaça e desenvolver uma nova cultura de segurança.

Publicidade

(Com agência France-Presse)

Publicidade