Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Lagarde diz que está ‘desesperadamente otimista’ com futuro da economia

Por Da Redação 19 nov 2011, 01h28

Washington, 18 nov (EFE).- A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, se mostrou nesta sexta-feira ‘desesperadamente otimista’ pela adoção das políticas adequadas que nortearão o futuro da economia mundial.

Lagarde fez estas declarações à jornalista Lara Logan que a entrevistou hoje em Washington para o programa ’60 Minutes’ que será transmitido no próximo domingo pelo canal de televisão ‘CBS’.

Perguntada sobre a situação econômica e o pior cenário possível, Lagarde declarou que ‘é uma situação muito séria, sem precedentes em muitos sentidos’.

‘O crescimento estagnado, o alto desemprego, o potencial mal-estar social como resultado e os mercados financeiros desorganizados. Muita volatilidade. Não é uma imagem agradável’, destacou.

Quanto a qual é sua principal preocupação com relação aos Estados Unidos, a francesa frisou que são ‘as disputas políticas’ e desejou que tanto democratas como republicanos possam chegar a um acordo sobre ‘as medidas de corte do déficit, algo muito esperado pelos mercados’. EFE

Continua após a publicidade

Publicidade