Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ladrão morre após ser amarrado em árvore com fita adesiva

Um senhor de 68 anos acabou matando o homem que tentou invadir sua residência, após imobilizá-lo e amarrá-lo à árvore

Por Da redação 1 ago 2016, 14h44

Ao responder ao chamado de emergência sobre uma tentativa de roubo, a polícia da cidade americana de Leroy, no Alabama, encontrou o assaltante morto e amarrado a uma árvore. De acordo com as autoridades, Nathanial Johnson, de 68 anos, foi o responsável por capturar e matar o ladrão que tentava assaltar a sua residência na última sexta-feira.

“Acho que ele não pretendia matar o homem. Só queria capturá-lo e que ele fosse preso”, comentou o chefe de polícia Richard Stringer à rede de TV Fox 10. Segundo a emissora, o senhor estava cansado dos assaltos e decidiu que faria justiça com as próprias mãos, por isso, montou uma armadilha para o assaltante. Em seu depoimento à polícia, Johnson contou que estacionou seu carro no vizinho e se escondeu em casa com as luzes desligadas para ver o que aconteceria.

Pouco antes da meia-noite, Nathanial ouviu uma batida em sua porta e não respondeu. Logo depois, ele escutou alguém quebrar o cadeado da porta dos fundos da casa, de acordo com site de notícias local Al.com. O senhor confrontou o ladrão, que foi identificado como Jones Gully, de 31 anos. Apesar da diferença de idade, Johnson conseguiu imobilizá-lo e amarrar suas mãos.

Leia também:
Acidente com balão de ar nos EUA deixa 16 mortos
Miss americana finge câncer por 2 anos e arrecada 30 mil dólares

De acordo com a polícia de Leroy, o idoso passou fita adesiva na boca de Gully e, em seguida, o amarrou a uma árvore usando diversos materiais, como fios elétricos, tecidos e, principalmente, fita adesiva ao redor de sua cabeça. Com o intruso amarrado à árvore, Johnson foi até a casa do vizinho avisar a polícia e, quando as autoridades chegaram, o assaltante já estava morto.

O chefe de polícia afirmou à Fox 10 que Gully, que morava perto de Johnson e tinha uma má reputação por invadir casas da vizinhança, foi encontrado com cortes pelo corpo. O assaltante não tinha outros ferimentos aparentes e não carregava armas no momento da invasão.

Continua após a publicidade
Publicidade