Clique e assine com 88% de desconto

Governo impõe toque de recolher em parte de Mianmar

Confrontos entre budistas e muçulmanos deixaram pelo menos 7 mortos

Por Da Redação - 10 jun 2012, 09h56

O governo de Mianmar impôs um toque de recolher na capital e em outras cidades do estado de Rajin, oeste do país, após os confrontos violentos entre budistas e muçulmanos que deixaram pelo menos sete mortos.

Sittwe e três cidades do estado estão sob toque de recolher entre 18h e 6h.

Leia também:

Leia também: Suu Kyi é aclamada em campos de refugiados birmaneses

Publicidade

As tensões religiosas ganharam intensidade depois que 10 muçulmanos morreram em um ato de linchamento no sul do estado de Rajin no domingo passado. Nos últimos dois dias, os confrontos violentos destruíram 500 casas.

As autoridades acusam os rohingyas, minoria muçulmana que não é reconhecida como birmanesa, de ter incendiado vários vilarejos em Maungdaw, perto da fronteira com Bangladesh.

Os muçulmanos representam oficialmente 4% da população de Mianmar, contra 89% de budistas.

(Com agência AFP)

Publicidade