Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Chefe do FBI diz que coronavírus pode ter vazado de laboratório na China

A teoria divide a comunidade de inteligência sobre a origem da pandemia, tanto nos EUA quanto no mundo; China nega a narrativa

Por Da Redação
1 mar 2023, 08h58

Christopher Wray, o diretor do FBI, unidade de investigação do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, disse nesta quarta-feira, 1, que o vírus da Covid-19 pode ter vazado de um laboratório chinês. A teoria já foi refutada por Pequim, bem como por grupos de cientistas e agentes de inteligência americanos, o que revela uma divisão entre as autoridades.

“O FBI há algum tempo avalia que as origens da pandemia são provavelmente um possível incidente de laboratório em Wuhan”, disse Wray em entrevista à Fox News, acrescentando que a avaliação foi baseada em pesquisas de analistas da agência, incluindo cientistas, e que “nosso trabalho relacionado a isso continua”.

+ OMS considera ‘improvável’ que Covid-19 tenha sido criada em laboratório

O comentário de Wray destaca a divisão dentro da comunidade de inteligência americana sobre as origens da pandemia. Algumas agências federais, incluindo o FBI e o Departamento de Energia, dizem que o coronavírus provavelmente se originou de um vazamento de laboratório na China, enquanto outros concluíram que a doença se espalhou de animais infectados – provavelmente morcegos do mercado de Wuhan – para humanos. A teoria do vazamento contraria as conclusões de vários estudos científicos proeminentes.

Wray não explicou as evidências da conclusão do FBI. “Não há muitos detalhes que eu possa compartilhar que não sejam confidenciais”, disse ele.

Continua após a publicidade

+ Relatório americano renova embate entre China e EUA sobre origem da Covid

A CIA ainda permanece indecisa sobre as origens da Covid-19, enquanto o Conselho Nacional de Inteligência e quatro outras agências concluíram que o vírus se originou em animais, de acordo com investigação do jornal americano The Wall Street Journal.

O Departamento de Energia também concluiu, em um relatório confidencial de inteligência, que a Covid-19 muito provavelmente resultou de um vazamento de laboratório, mas fez essa avaliação com “baixa confiança”, enquanto o FBI chegou à mesma conclusão em 2021 com “moderada confiança”.

+ Foram eles: “muito provavelmente” pandemia veio de vírus de laboratório

Alguns cientistas que estudaram as origens da pandemia se opuseram à teoria do vazamento. Ao contrário dos estudos científicos revisados por pares, as avaliações de inteligência dos Estados Unidos não fornecem transparência sobre como chegaram às conclusões, nem sobre as evidências coletadas.

Dois estudos anteriores demonstraram, usando várias linhas de evidência, que a pandemia emergiu na população humana pelo menos duas vezes durante um período de aproximadamente duas semanas no mercado de Huanan, em associação com comércio de animais vivos.

Os comentários de Wray ocorrem em um momento de alta tensão entre os Estados Unidos e a China, depois que a descoberta de um balão espião chinês no espaço aéreo americano gerou uma crise diplomática.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.