Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Tite releva riscos com expulsões: ‘Somos o time mais disciplinado’

Por Da Redação 26 out 2011, 09h04

O técnico Tite engrossou tom de voz na terça-feira e disse que a margem de erro na busca do título brasileiro estreitou. Para o comandante do Corinthains, porém, a expulsão do lateral direito Alessandro no empate com o Internacional, no domingo, foi um ocorrido raro até o momento.

‘Houve margem de interpretação para expulsão, sim. O que eu cobro é critério igual do árbitro, e isso não teve. Ele poderia ter sido expulso, mas teria que aplicar o mesmo critério’, analisou.

O que acalma Tite é saber que a expulsão de seu camisa 2, por conta de entrada dura no meia colorado Andrezinho, foi só a quarta da equipe em toda a competição – o meia Edenílson e os atacantes Liedson e Emerson foram as outras. Além de ser apenas o terceiro time com mais cartões vermelhos – antes do recebido diante do Internacional, ele era o segundo -, o Corinthians é o que menos foi advertido com amarelos (65 contra 101 do América-MG, líder nesse quesito).

‘Peço aos atletas que continuem fazendo o que sempre fizeram durante todos os jogos e os treinamentos, que é competir com lealdade. Somos o time mais disciplinado do campeonato. Isso também é indício para a arbitragem, para ver que tipo de time é o Corinthians, como ele compete para chegar a seus resultados, como ele busca vencer. Procurem nosso retrospecto’, cobrou.

Outros números corintianos provam a disciplina implantada. Vice-líder, com 55 pontos, a equipe está atrás apenas de Flamengo, Cruzeiro e Atlético-PR no número de faltas cometidas (513), sendo mesmo assim a que mais desarmou desde a primeira rodada: 854 roubadas de bola.

Continua após a publicidade
Publicidade