Clique e assine a partir de 9,90/mês

Técnico alemão de canoagem morre em acidente no Rio

Stefan Henze, de 35 anos, estava internado em estado grave desde sexta, quando o táxi em que voltava para a Vila Olímpica colidiu

Por Da redação - Atualizado em 15 ago 2016, 19h28 - Publicado em 15 ago 2016, 18h51

O técnico da equipe alemã de canoagem slalom na Rio-2016, Stefan Henze, morreu nesta segunda-feira, três dias depois de um acidente de carro que o deixou em estado grave. Henze e outro membro da delegação da Alemanha estavam em um táxi que colidiu contra uma barreira de concreto na madrugada de sexta. A dupla voltava das instalações da canoagem em Deodoro para a Vila Olímpica. O cientista esportivo da equipe, Christian Käding, sofreu ferimentos leves e já recebeu alta.

LEIA TAMBÉM:
Câmera aérea cai no Parque Olímpico e machuca torcedores
Bielorrussa mostra andar da Vila Olímpica em pedaços

Henze de 35 anos foi medalhista de prata em Atenas-2004 quando atuava como atleta da canoagem. Em nota oficial, o Comitê Olímpico da Alemanha lamentou a morte do técnico. “Estamos profundamente tristes. Descanse em paz, Stefan. Você permanecerá para sempre em nossos corações”, diz o comunicado.

“Com palavras não podemos descrever o que sentimos na delegação depois desta terrível perda”, afirmou o presidente do Comitê Olímpico alemão, Alfonso Hormann, que fará uma homenagem a Henze na terça na Vila dos Atletas e solicitou ao COI que a bandeira alemã seja hasteada a meio mastro em sinal de luto.

Em comunicado divulgado na tarde desta segunda, o Comitê Olímpico Internacional também falou sobre Henze: “O COI lamenta a perda de um verdadeiro atleta olímpico”.

(Com agências EFE e Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade