Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Roque Júnior dá a receita para título do Palmeiras: muita vontade

Por Da Redação
Atualizado em 19 jul 2016, 14h28 - Publicado em 23 jun 2012, 19h23

O Palmeiras está na final da Copa do Brasil após 14 anos de espera. A última vez em que o Verdão conseguiu tal feito foi em 1998, quando foi campeão da competição nacional. Há 14 anos atrás, a equipe alviverde tinha como um de seus destaques o zagueiro Roque Júnior, hoje aprendiz do técnico Luiz Felipe Scolari, com quem faz um estágio na Academia de Futebol.

‘Coincidiu de o Palmeiras chegar à final bem no período em que estou aqui. Faz tempo que o clube não chega à final e isto motiva os jogadores e a torcida. E pelo o que estou acompanhando, estão todos muito motivados. Pelo ambiente que tenho visto aqui, o Palmeiras tem boas chances de brigar pelo título’, afirmou o ex-jogador em entrevista ao site oficial do clube.

Pelo Alviverde, Roque Júnior também conquistou os Campeonatos Paulistas de 1996 e 2008, a Copa Mercosul de 1998, a Copa Libertadores da América de 1999 e o Torneio Rio-São Paulo de 2000. Revelado pelo Santarritense em 1993, o ex-atleta vê a experiência de Felipão como a principal característica em comum entre o Palmeiras de 1998 e o de 2012.

‘A principal coincidência neste caso é o Felipão. Ele já ganhou três Copas do Brasil, umas delas com o Palmeiras, tem muita experiência e é um diferencial, mas o que vai contar mesmo é a vontade dos jogadores. Time por time, talvez o Palmeiras tenha uma certa vantagem, mas o que conta nesses jogos é a vontade’, receitou Roque Júnior.Com passagens pelo São José, Milan, Leeds United, Siena, Bayer Leverkusen, Duisburg, Al-Rayyan, Ituano e pela Seleção Brasileira, Roque Júnior também aproveitou para comentar sobre o seu aprendizado com o treinador alviverde e agradecer ao clube de Palestra Itália por ter aberto as portas. O ex-jogador ainda assegurou que irá passar força para o elenco palmeirense.

Continua após a publicidade

‘É um conhecimento a mais. Quanto mais conhecimento, melhor. Eu quero pegar um pouco do que o Felipão passa e agradecer o Palmeiras por ter aberto as portas. Aqui, me sinto em casa. Estou procurando adquirir conhecimento para depois decidir o que fazer. Enquanto isso, vou acompanhar as finais e passar força ao elenco’, concluiu Roque Júnior.

Na quinta-feira do próximo dia 5 de junho, o Palmeiras recebe o Coritiba, em estádio ainda não definido (Arena Barueri, Morumbi e Pacaembu estão em pauta), pela ida da final da Copa do Brasil. Já no dia 11, as duas equipes voltam a se enfrentar, mas desta vez no estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.