Clique e assine a partir de 9,90/mês

PM entra em confronto com palmeirenses

Polícia isolou as ruas próximas ao Allianz Parque e atirou bombas de efeito moral e gás de pimenta contra os torcedores sem ingresso

Por Alexandre Senechal - Atualizado em 27 nov 2016, 18h19 - Publicado em 27 nov 2016, 18h17

Houve confusão na festa palmeirense na tarde deste domingo. A Polícia Militar de São Paulo manteve a medida de isolar o estádio Allianz Parque, evitando que torcedores sem ingresso permanecessem na rua – como era tradição em grandes decisões da equipe. Quando a bola já rolava entre Palmeiras e Chapecoense, no jogo que pode definir o título do Brasileirão, torcedores entraram em confronto com a PM. Foi possível ouvir bombas de efeito moral e a assessoria do Palmeiras impediu que os jornalistas deixassem o estádio, “por medidas de segurança”. Segundo relatos nas redes sociais, os policiais também utilizaram gás de pimenta contra o grupo de torcedores que tentou acessar as zonas isoladas, nas ruas Diana e Caraíbas. Os torcedores responderam atirando garrafas. O Palmeiras vai vencendo a partida por 1 a 0.

 

Publicidade