Clique e assine com 88% de desconto

Joel admite alívio com vitória, mas quer evolução do Fla

Por Da Redação - 10 jun 2012, 13h05

Por AE

Rio – O técnico Joel Santana não escondeu o alívio com a primeira vitória do Flamengo neste Campeonato Brasileiro, conquistada na noite do último sábado, quando o time bateu o Coritiba por 3 a 1, no Engenhão. Porém, o treinador conteve a euforia ao lembrar que a equipe terá muitas dificuldades pela frente na competição e destacou que o time precisa mostrar evolução na continuidade do torneio.

“Estávamos devendo uma vitória e fomos cobrados com toda a razão. Saímos de uma situação ruim e vamos nos colocar aos poucos ali no bolo (dos primeiros colocados). Estamos satisfeitos com o resultado apesar de alguns problemas. O Campeonato Brasileiro é brigado e sabemos que não vamos ter partidas fáceis na sequência. É importante evoluir sempre”, ressaltou o comandante, ao comentar a vitória do time depois de três empates seguidos nas três rodadas iniciais do Brasileirão.

Essa também foi a primeira vitória da equipe carioca após a conturbada saída de Ronaldinho Gaúcho do clube e Joel admitiu que os últimos dias foram de muita tensão para ele dentro do Flamengo. Ele chegou a entrar em conflito com o astro no final da passagem do meia-atacante pela Gávea e falou em tom de desabafo ao festejar o primeiro triunfo flamenguista nesta edição do Brasileiro em meio ao clima de grande pressão que enfrenta atualmente.

Publicidade

“Tenho tranquilidade para trabalhar durante todos os dias, mas acontecem muitas notícias. Tenho 30 anos de profissão. Então, o que é bom? Passamos dificuldades, mas estamos refazendo a equipe. É só ter uma ideia do dia que cheguei e ver o quanto foi modificado. As pessoas pensam que dorme de um jeito e acorda com a equipe pronta? Não é assim, não é fácil. Sou um homem realizado e não preciso provar mais nada na minha vida. A pressão existe no Flamengo. Isso é normal e natural, mas ‘devo ter desaprendido e não fui a lugar algum’. ‘Devo estar parado na esquina, na praça, comprei meu diploma’. Essas críticas cansam”, completou Joel.

Já o meia Renato comemorou o fato de ter ajudado o Flamengo a vencer o Coritiba justamente no dia em que fez aniversário. “Foi maravilhoso completar 34 anos com mais uma vitória. Queríamos muito esse resultado, precisávamos de um resultado positivo, e ele veio. Precisamos aproveitar para descansar um pouco para entrar com tudo nos treinamentos da próxima semana. Teremos uma partida muito complicada pela frente (contra o Santos, no próximo domingo, no Rio) e vamos em busca de mais um bom resultado”, afirmou o meio-campista.

O meia Ibson, por sua vez, foi outro que admitiu alívio e concordou com o fato de que a vitória servirá para aliviar o clima pesado que vive o Flamengo após a saída de Ronaldinho e a briga que o craque já trava com o clube na Justiça para receber salários atrasados. “Estávamos numa situação complicada, vindo de três empates. Na quarta, conseguimos empatar o jogo nos últimos minutos (contra a Ponte Preta) e isso foi muito cansativo para o time. Hoje (sábado) fizemos um grande primeiro tempo, garantimos o resultado, mas demos uma caída na segunda etapa. Valeu pelo resultado”, completou.

Publicidade