Clique e assine a partir de 8,90/mês

Herrera negocia com clube árabe e não treina no Botafogo

Por Da Redação - 20 jun 2012, 16h03

O atacante Herrera, que está negociado com o futebol dos Emirados Árabes Unidos. Faltando apenas a realização de exames médicos para o anúncio oficial, o jogador sequer participou da atividade desta manhã de quarta-feira, em General Severiano.

A alegação foi de dores na panturrilha esquerda, embora a ordem tenha partido da diretoria, temerosa de lesionar um jogador praticamente negociado em um dia de chuva na capital carioca.

O técnico Oswaldo de Oliveira, inclusive, já foi comunicado que não poderá relacionar Herrera para a partida do próximo domingo, às 18h30 (de Brasília), contra a Ponte Preta, no Engenhão, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Assim, Elkeson ou Loco Abreu, que vem dando entrevistas se dizendo insatisfeito com a condição de reserva, disputam a posição.

Loco Abreu, por sinal, treinou normalmente, assim como Maicosuel, que vem sendo pretendido pela Udinese, da Itália, e pode sair a qualquer momento. O Botafogo, porém, não vai aceitar menos de R$ 10 milhões pelo atleta.

Livre de dores na coxa direita, o volante Jadson treinou normalmente e vai retornar ao time, após ter ficado de fora da vitória de 2 a 1 sobre o Internacional. Outro que deve reaparecer é o zagueiro Antônio Carlos, recuperado de um edema ósseo no joelho direito.

O lateral esquerdo Márcio Azevedo também fica à disposição após ter cumprido suspensão no Rio Grande do Sul. O suspenso da vez é o lateral direito Lucas, que foi advertido com o terceiro cartão amarelo contra o Colorado e será substituído por Lennon.

O volante Marcelo Marros, com lesão na virilha esquerda, permanece de fora. A definição do time que vai enfrentar a Macaca acontecerá na manhã desta quinta-feira.

Continua após a publicidade
Publicidade