Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Hamilton nega frustração por não ter vencido em 2012

Por Da Redação - 23 maio 2012, 16h56

Por AE

Mônaco – O inglês Lewis Hamilton negou nesta quarta-feira, em Mônaco, que esteja frustrado por ainda não ter conseguido vencer uma corrida nesta temporada da Fórmula 1, que no próximo domingo terá, na tradicional pista de rua de Montecarlo, a sua sexta etapa do Mundial de 2012. O piloto da McLaren minimizou a importância do fato, embora tenha largado da pole em duas das cinco provas do ano.

“Eu não estou frustrado, não. Essa é a maneira que o automobilismo funciona às vezes. É claro, olhando para os resultados dos treinos de classificação que nós tivemos para as cinco corridas, adoraríamos ter terminado mais à frente e definitivamente precisamos melhorar para garantir que fiquemos onde estamos ou para nos movermos mais para frente”, afirmou Hamilton, durante entrevista coletiva dos pilotos que antecedeu os primeiros treinos livres do GP de Mônaco, marcados para esta quinta-feira.

Na terceira colocação do Mundial de Fórmula 1, com 53 pontos, oito atrás dos líderes Sebastian Vettel e Fernando Alonso, Hamilton enfatizou que a McLaren está trabalhando “muito duro” para começar a encontrar o caminho das vitórias e se mostrou otimista em relação ao GP do próximo domingo, após ter vencido em Mônaco em 2008.

Publicidade

E o inglês hoje se sente ainda mais em casa no principado monegasco, pois se mudou recentemente para o local. “Eu amo isso aqui. Ser capaz de acordar em sua própria cama e dirigir na mesma rua onde mora para estar no trabalho é um sentimento fantástico. Hoje é a primeira experiência deste tipo, mas tenho certeza de que fará uma grande diferença”, acredita.

Publicidade