Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Cruzeiro já admite vender Montillo para o exterior e fixa valor mínimo

Por Da Redação 9 dez 2011, 12h47

Mesmo tendo contrato em vigor com o Cruzeiro, a permanência do armador Montillo na Toca da Raposa não é certa. Vários clubes do Brasil já manifestaram desejo de contar com os trabalhos do argentino. O presidente em exercício do clube, Zezé Perrella, já declarou que, se continuasse no cargo, venderia o jogador. Mas Gilvan de Pinho Tavares, que assumirá o cargo no próximo ano e divergia da opinião do atual mandatário, já começa a aceitar a ideia.

Entretanto, apesar do interesse de clubes brasileiros na contratação do meia, Gilvan Tavares revelou que o empresário de Montillo tem autorização para negociar o jogador com o futebol da Europa, por um valor mínimo de R$ 15 milhões de euros. Ainda segundo o dirigente, o documento que prevê a venda do argentino foi assinado pelo próprio Zezé Perrella.

‘O Zezé Perrella, há algum tempo, assinou um documento para um empresário, que trouxe um pedido de um clube do estrangeiro. Ele disse que, por R$ 15 milhões, venderia os direitos econômicos do atleta. Nós ainda não tivemos uma resposta, mas esse valor foi fixado para times de fora do país’, disse o dirigente, em entrevistas à Rádio Itatiaia.

Apesar de já aceitar vender Montillo, o próximo presidente da Raposa lembra que o valor é apenas para clubes do exterior. Segundo ele, não existe a intenção de reforçar adversários no Brasil, como Corinthians, Flamengo e São Paulo. ‘Para vender, tem que ser para o estrangeiro, senão nós iremos reforçar um adversário nosso. Além disso, a compra terá que ser pelo valor mínimo que nós fixamos pelo atleta.’

No Cruzeiro desde 2010, o jogador foi contratado da Universidad de Chile e foi um dos destaques da fraca campanha da equipe mineira no Brasileiro deste ano. As grandes atuações do meia com a camisa celeste motivaram o interesse de clubes que se classificaram para a Copa Libertadores de 2012, mas o alto preço imposto pela diretoria celeste assusta os interessados em sua contratação.

Continua após a publicidade

Publicidade