Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

SP: NET e Claro anunciam corte de sinal de SBT, Record e RedeTV!

Interrupção se deve porque, a partir das 23h59, sinal analógico será totalmente desligado em São Paulo

Por Da redação - Atualizado em 29 mar 2017, 11h33 - Publicado em 29 mar 2017, 09h12

A NET e a Claro estão informando seus assinantes de TV paga que perderão os canais RedeTV!, Record e SBT a partir desta quarta-feira. A interrupção ocorrerá agora em São Paulo porque a cidade e mais 38 municípios da região metropolitana terão o sinal analógico cortado a partir das 23h59, em cumprimento ao cronograma estabelecido pelo Ministério das Comunicações. Brasília, que já havia migrado para o serviço digital, também ficou sem os três canais nesta semana.

Em um comunicado exibido nos canais pagos, a NET informa ter acordo de distribuição com Globo, Gazeta, Rede Gospel, Ideal TV, Mega TV, Rede 21, TV Cultura e Band. A programação dessas emissoras, portanto, continua a ser exibida, sem qualquer ônus para os clientes.

Comunicado
O texto diz que, até o momento, não há acordo com Record, RedeTV! e SBT. “A fim de atender a uma solicitação das próprias empresas, a NET deixará de transmitir os sinais digitais destes canais a partir de 29 de março”, informa o comunicado.

“É importante esclarecer que estes canais sempre foram distribuídos gratuitamente. A NET quer continuar a transmiti-los e segue negociando para que você volte a receber o sinal aberto na sua TV por Assinatura como sempre recebeu: sem ter que pagar a mais por eles”, finaliza o texto.

Em nota enviada à imprensa pela Associação Brasileira de Televisão por Assinatura (ABTA), o órgão reforça que a decisão de não permitir a transmissão dos sinais digitais das três  emissoras na TV por assinatura em Brasília e São Paulo foi uma iniciativa do grupo Simba, formado por SBT, Record e RedeTV.

Publicidade

Segundo a ABTA, “as operadoras de TV por assinatura sempre estiveram e continuam abertas ao diálogo”. No entanto, diz a associação, “a maior parte delas informa que sequer recebeu uma proposta comercial da Simba”.

Desligamento do sinal analógico 

A metrópole paulistana não é a primeira a passar pelo processo de desligamento do sinal. Rio Verde, cidade no interior de Goiás, foi a estreante, seguida por Brasília e outra dezena de municípios em torno. Até 2018, a meta é que 1.326 cidades e cerca de 128 milhões de pessoas, o equivalente a 62% da população brasileira, tenham migrado para o serviço digital. Veja o cronograma definido pelo Ministério das Comunicações:

Região de São Paulo: 29 de março
Região de Goiânia: 31 de maio
Região de Belo Horizonte: 26 de julho
Região de Recife: 26 de julho
Região de Salvador: 26 de julho
Região de Fortaleza: 26 de julho
Região de Campinas: 27 de setembro
Região de Ribeirão Preto: 27 de setembro
Região de Franca: 27 de setembro
Região de Santos: 27 de setembro
Região do Vale do Paraíba: 27 de setembro
Região do Rio de Janeiro: 25 de outubro
Região de Vitória: 25 de outubro
Região de Curitiba: 31 de janeiro de 2018
Região de Porto Alegre: 31 de janeiro de 2018
Região de Florianópolis: 31 de janeiro de 2018

 

Publicidade