Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Segundo Sol’ estreia com erro de filmagem

Em capítulo bem feito, dá até pena ver que sobrou um funcionário da produção no barco em que Miguel / Beto Falcão pescava com o enteado, Ícaro

Ao descobrir que foi dado como morto por constar na lista de passageiros de um avião que caiu no mar, o cantor Beto Falcão (Emílio Dantas) aceitou o plano do irmão, o empresário mau caráter Remy (Vladimir Brichta) de se esconder por um tempo e lucrar com o aumento nas vendas de seus discos que a falsa notícia de sua morte provocou, no capítulo de estreia de Segundo Sol, novela de João Emanuel Carneiro que substituiu nesta segunda-feira O Outro Lado do Paraíso, de Walcyr Carrasco, na faixa das 9 da Globo. E corria tudo bem: sob o pseudônimo de Miguel, Beto foi para a ilha fictícia de Boiporã, onde se apaixonou pela marisqueira Luzia (Giovanna Antonelli) e pelos filhos dela, Ícaro (Thales Miranda) e Manu (Rafaela Brasil). Era a chance de recomeçar a vida. De fato, tudo ia bem — até aparecer por lá a vigarista Karola (Deborah Secco), ex-namorada interesseira fingindo estar grávida do fugitivo.

Do ponto de vista da produção, tudo corria bem até o ponto em que Miguel levou o pequeno Ícaro para pescar em um barco amarelo, no mar de Boiporã. Ali, já no final da aventura, quando comemoravam o resultado da pescaria, eis que aparece um homem deitado, como se tirasse uma soneca. Em um capítulo bem feitinho, que começou com imagens documentais da explosão do axé na Bahia nos anos 1990, dá até pena ver que sobrou um funcionário da produção no barquinho. E, nesse caso, não adiantou fingir de morto. A cena foi flagrada, e já circula pelas redes sociais.

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Alex Thistle

    Outra porcaria de novela, isso é infinito…vício bobo.

    Curtir