Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Iris Abravanel: “Silvio gosta de dar pitaco em tudo”

Da casa da família na Flórida, a mulher de Silvio Santos fala da experiência de ser noveleira e “administradora do lar”

Por Marcelo Marthe - Atualizado em 13 abr 2018, 16h39 - Publicado em 13 abr 2018, 15h43

Como surgiram as novelas infantis? Fui professora do ensino fundamental e minhas filhas sabem quanto gosto de trabalhar com crianças. Quando os amigos delas iam lá em casa, eu criava jogos, brincadeiras e até filmes caseiros com histórias que inventava. Inclusive os funcionários de casa viravam protagonistas. Creio que foi por isso que minha filha Daniela teve a ideia de relançar Carrossel e entregar à minha equipe.

Como é sua rotina de trabalho? Rotina? Será que consigo ter alguma com toda a família aqui? Só posso trabalhar depois que todos forem dormir, antes que todos acordem ou quando os bebês (netos dela e de Silvio) estão tranquilos. Enquanto falo com você, uma está mamando e os outros, dormindo. Na verdade, as minhas responsabilidades foram aumentando — além de minha família, que parece se multiplicar a cada ano. Procuro dividir meu tempo para não deixar nenhuma brecha em minhas funções de esposa, mãe, avó, novelista e administradora do lar.

A senhora troca ideias com Silvio sobre as novelas? Se tem um cara palpiteiro, é ele mesmo. Silvio gosta de dar pitaco em tudo. Mas eu adoro. Tenho um professor de comunicação ao meu lado, e respeito muito suas opiniões. Sempre que tenho alguma dúvida, recorro a ele. É o Silvio quem bate o martelo nas minhas decisões mais difíceis.

E suas filhas e netos, participam do processo? Você imagina uma família com sete mulheres e um palpiteiro? Todo mundo participa de tudo. Não há segredos em nossa família, pois ninguém consegue guardá-­los. Meus netos veem todas as novelas infantis do SBT no iPad e sabem o nome dos personagens.     

Publicidade