Clique e assine a partir de 9,90/mês

Gato Mia é a melhor pizzaria de VEJA COMER & BEBER CUIABÁ 2018/2019

A receita bicampeã tem massa fina e coberturas equilibradas

Por Mirela Mazzola - Atualizado em 27 Apr 2018, 13h05 - Publicado em 27 Apr 2018, 01h00

Antes de adquirirem esta pizzaria, aberta em 2001, o publicitário Ziad Fares e seus sócios frequentavam o endereço uma vez por semana. Ao se tornarem os proprietários, há quatro anos, eles deram uma repaginada geral no ambiente, o que incluiu a compra de móveis de uma estação ferroviária desativada, azulejos antigos e uma porta de 1947 restaurada. À frente do forno a lenha, contudo, fizeram questão de manter o pizzaiolo Valdemir Pereira da Silva — funcionário desde a primeira inauguração, ele comanda o preparo dos discos de massa fina e coberturas equilibradas que conferem o segundo título de campeã à casa. O cardápio, com novidades a cada ano, apresenta as pizzas em três seções: tradicionais, gourmets e doces. Da primeira fazem sucesso a quatro queijos (R$ 82,00) e a portuguesa (R$ 71,00). Entre as chamadas gourmets, destaca-se a trifolati, com mussarela de búfala, cogumelos e azeite trufado (R$ 95,00). Bastante pedida e adequada para aplacar o calor cuiabano, a sangria sai em jarra de 1 litro por R$ 70,00. Rua Brigadeiro Eduardo Gomes, 290, Popular, ☎ 3027-6262 (95 lugares). 19h/0h (dom. a partir das 18h; fecha seg.). Aberto em 2014. $$

Confira os segundo e terceiro colocados:

2º lugar: Padrino

Italiano, o avô de Bruno Mangravati fez a vida em São Paulo após o navio em que era chef de cozinha ficar preso no porto de Santos. Impedido de voltar à Itália por conta da guerra, abriu, em 1952, uma das pizzarias pioneiras da capital paulista. Em Cuiabá, Bruno decidiu seguir os passos do avô e assa discos como o coberto com catupiry, parmesão, mussarela, gorgonzola e orégano (R$ 74,00 a grande e R$ 59,00 a pequena). Aqui, a tradicional margherita leva mussarela de búfala, tomate-cereja, manjericão, orégano e azeitona preta (R$ 82,00 a grande e R$ 65,00 a pequena). Para beber, fazem sucesso as long necks de Heineken (R$ 10,00) e Budweiser (R$ 9,50). Em tempo: a casa trabalha apenas com reservas. Rua das Espatódias, 37, Jardim das Palmeiras, 3661-9001 e 99994-9001 (80 lugares). 18h30/0h (fecha seg. e ter.). Aberto em 2013. $$

Continua após a publicidade

3º lugar: Santa Oliva

Em uma esquina da Praça Popular, chama a atenção o imóvel que abriga esta pizzaria. Ali, os clientes se dividem em três ambientes, podendo fazer a refeição, inclusive, na adega subterrânea, ideal para jantares românticos. Para abrir o apetite, lideram os pedidos as bruschettas de burrata e mel trufado (R$ 52,00). Estrela do cardápio, a pizza é preparada sobre um disco fino e crocante de massa. São muito solicitadas as coberturas tradicionais, a exemplo da calabresa e da portuguesa (R$ 58,00 cada uma), mas o menu também tem sugestões mais elaboradas. A que leva o nome da casa combina molho de tomate, mussarela, queijo brie e presunto cru (R$ 85,00). Praça Popular, 45, Popular, 3358-3000. 18h/0h (130 lugares). Aberto em 2016. $$

Publicidade