Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Conselho de Psicologia sobre ‘Outro Lado do Paraíso’: desserviço

Órgão criticou abordagem da novela dos temas abuso sexual e saúde mental por causa da trama de Laura, abusada pelo padrasto na infância

O Conselho Federal de Psicologia (CFP) divulgou nesta segunda-feira uma nota criticando a abordagem da novela da Globo O Outro Lado do Paraíso dos temas abuso sexual e saúde mental. “O Conselho Federal de Psicologia entende que a telenovela, por se tratar de uma obra capaz de formar opinião, presta um desserviço à população brasileira ao tratar com simplismo e interesses mercadológicos um tema tão grave como o sofrimento psíquico de personagem cuja origem é o abuso sexual sofrido na infância”, diz a nota, publicada no site do órgão.

Na trama de Walcyr Carrasco, o assunto é tratado na história de Laura (Bella Piero), uma jovem que sofreu abuso sexual do padrasto, Vinícius (Flávio Tolezani), quando era criança. Recém-casada com o médico Rafael (Igor Angelkorte), Laura não consegue se sentir plenamente confortável com o marido por causa do abuso que sofreu.

Na semana passada, a mocinha do folhetim, Clara (Bianca Bin), conversou com a garota e sugeriu que ela procurasse a advogada Adriana (Julia Dalavia), que consegue acessar as memórias reprimidas de uma pessoa usando técnicas de coaching e hipnose. Coaches são profissionais que orientam seus clientes na vida pessoal e profissional, ensinando-os a subir na vida e a desenvolver determinadas características de sua personalidade, por exemplo.

A nota do CFP critica a maneira como a Globo tratou a história. “São as novelas da Rede Globo que, como estratégia de elevar a audiência, frequentemente buscam embaralhar as barreiras do ficcional e do real”, continua o texto. “É consenso no Brasil que pessoas com sofrimento mental, emocional e existencial intenso devem procurar atendimento psicológico com profissionais da Psicologia, pois são os que têm a habilitação adequada.”

“Saudamos como positiva a manifestação de diversos grupos e escolas de coaching, que, manifestando-se sobre o ocorrido, afirmaram compreender que os transtornos mentais devem ser cuidados por profissionais da saúde mental”, continua a nota. “O CFP faz um alerta à sociedade para que não se deixe iludir. As pessoas devem buscar terapias adequadas conduzidas por profissionais habilitados para os cuidados com a saúde, particularmente a saúde mental.”

Procurada, a assessoria de imprensa da Globo não se manifestou sobre o assunto até a publicação desta nota.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Social Democrata Nem Direita Nem Esquerda

    Aliás, todas as novelas da Globo, prestam pra nada!

    Curtir

  2. Gilberto Luiz

    Estas novelas só existem porque tem pessoas que se alimentam delas. A ignorância do povo. É como as drogas, que subsistem porque tem consumidores.

    Curtir

  3. Osmar Serrragem

    Não assistam a este lixo “artístico”…

    Curtir

  4. Marcos Binelli

    KKKKKKKKKK, Coaching para abuso sexual ?????kkkkkkkkkkkkkk Que moderno!!!!! Que criativo!!! Eclipsou La Casa de Papel

    Curtir

  5. Ataíde Jorge de Oliveira

    😮
    p$I
    C O
    £OGÏA?
    — CONTA outra, VAÏ 😮

    Curtir

  6. É muito cômico ler críticas dos petistas à Rede Globo e suas novelas, enquanto que os próprios queimam pneus e defendem o Lula.
    Será que criticam por que não aparecem na Rede Globo?? Afinal, uma petista que criticava e queria até tombar o carro da reportagem da TV Globo foi para o BBB-18 e agora tá feliz da vida, amando a TV Globo….kkkkkk . Nada como um dia atrás do outro e uma noite no meio para um choque de realidade a esses petistas.

    Curtir

  7. sinesio gimene

    isto até pode ser , mas a parte dos juizes bandidos , é a cara do Brasil, é o que acontece por debaixo dos bastidores, principalmente os bandidos de torga que desreita as leis dos bandidos politicos, sao caras de sérios mas nao passam de bandidos legalizados

    Curtir

  8. sinesio gimene

    prestem atençao a parte da justiça o de juizes bandidos, velhos, corruptos, assim como é o nosso amado stf de bandidos, sao sérios mas nao passam de bandidos os mais novos ou um outro que escapa, quanto mais velho mais bandido

    Curtir

  9. marco antonio barbeito dos santos

    Começam no tudo bom, tudo bem. Depois de alguns capítulos todo mundo vira gay. Bye, bye audiências.

    Curtir

  10. Já teve sua fama esse conselho. Pra que serve mesmo???

    Curtir