Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Enem 2014: temida prova de redação encerra exame

No 2º e último dia de provas, participantes devem responder ainda a 90 testes de múltipla escolha. No fim da tarde, VEJA.com publica gabarito extraoficial com questões resolvidas por professores do Anglo Vestibulares

Por Da Redação 9 nov 2014, 07h26

Leia também:

Manual do Candidato do Enem: o que fazer na inscrição, na prova e na matrícula Teste vocacional: descubra as carreiras que têm mais a ver com você Temas de atualidades que podem cair no Enem e vestibulares 2014/15 20 questões para escolher uma carreira no Enem e nos demais vestibulares Cinco temas para treinar a redação do Enem 2014 Raio-x do Enem: os conteúdos mais cobrados desde 2009 Seis formas de usar a nota do Enem TRI: como é calculada a nota do Enem

A maratona de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2014 termina neste domingo para mais de 8 milhões de candidatos. Os participantes terão 5 horas e 30 minutos para responder a 45 questões de linguagens e 45 questões de matemática, além de fazer a temida redação. Os portões de acesso aos locais das provas serão abertos às 12h e fechados pontualmente às 13h (no horário de Brasília). Não há tolerância com retardatários – confira as principais regras da avaliação federal.

No fim da tarde, VEJA.com exibirá o gabarito extraoficial da prova, com as questões do exame resolvidas pelos professores do Anglo Vestibulares. O gabarito oficial da prova será divulgado na página na internet do Inep, até o dia 12 de novembro.

Neste ano, exatos 8.721.946 candidatos estão aptos a fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2014. O número é 21,6% superior ao registrado em 2013. O exame é porta de acesso a todas as universidades federais e algumas estaduais e privadas do Brasil, além das bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni), ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), ao programa Ciência sem Fronteiras e à certificação do ensino médio.

Vale lembrar que os candidatos poderão saber quantas e quais questões acertaram, mas o número de acertos não traduz o desempenho dos participantes na avaliação. Isso porque o Enem segue a Teoria da Resposta ao Item (TRI), pela qual acertos e erros têm pesos relativos, sendo o desempenho final determinado pela combinação de resultados.

Continua após a publicidade
Publicidade