Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Nikon anuncia o encerramento de todas suas atividades no Brasil

Em comunicado, a fabricante disse que "para produtos fotográficos com garantias válidas" os reparos continuarão a ser realizados

Por Redação - Atualizado em 17 set 2018, 15h39 - Publicado em 17 set 2018, 12h31

A fabricante japonesa de câmeras fotográficas Nikon anunciou o encerramento de todas as suas atividades no Brasil. No fim do ano passado, a empresa já havia informado que iria desativar sua loja virtual no país.

Em comunicado, divulgado no dia 12 de setembro, a Nikon disse que “para produtos fotográficos com garantias válidas” os reparos continuarão a ser realizados. Solicitações para a assistência técnica devem ser feitos pelo site da Nikon do Brasil por meio de um formulário online.

“Equipamentos fotográficos e acessórios que estejam fora de garantia terão os serviços de assistência técnica assumidos diretamente pela marca nos Estados Unidos”, afirmou a empresa.

Segundo a Nikon, as linhas completas de produtos de microscopia continuarão a ser oferecidas no país pela empresa BioLab Brasil.

Publicidade

Quando abriu sua filial no Brasil, em 2011, a Nikon foi influenciada pela “forte demanda”. Na época, o presidente da companhia no Brasil, Koji Maeda, afirmou à Reuters disse que a entrada no mercado brasileira visava a aproveitar “eventos esportivos como a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016”.

Nikon comunica saída do Brasil Nikon/Reprodução
Publicidade