Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

#VirouViral Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Duda Monteiro de Barros
Como surgem e se espalham os assuntos mais comentados da internet
Continua após publicidade

Zé do Caixão se converteu? Não é bem isso

Ícone do terror trash brasileiro foi flagrado durante um culto em uma igreja evangélica. A igreja, no entanto, afirma que ele estava no culto como visitante

Por Da redação
Atualizado em 31 jan 2017, 14h00 - Publicado em 31 jan 2017, 13h17

Nos últimos dias, uma publicação com fotos do ator e cineasta José Mojica Marins dentro de uma igreja evangélica viralizou nas redes. No post, o pastor Erzon Aduviri afirma que o artista, eternizado como o personagem Zé do Caixão, e sua mulher decidiram se batizar na Igreja Adventista do Sétimo Dia, em São Paulo.

Mojica aparece nas fotos ao lado de sua esposa e de pastores da congregação vestindo camisa e calça social – bem diferente do look gótico com capa preta e cartola do Zé do Caixão. Em uma das fotos é possível vê-lo com a mão no peito enquanto recebe uma oração.

caixao
()

Em pouco tempo, a postagem viralizou nas redes e vários usuários do Twitter ficaram espantados com a decisão do cineasta.

Mas a história não é bem essa.

Continua após a publicidade

Em entrevista ao #VirouViral, a filha do cineasta, Liz Marins, conhecida como Liz Vamp, esclareceu o que está por trás das fotos: ele apenas acompanhou a esposa na igreja e não se converteu ou se batizou. “Ele é católico não praticante e acompanhou a esposa nesse culto. A esposa dele é religiosa e frequentadora da Igreja Adventista. Ela decidiu se rebatizar porque estava frequentando outra igreja antes”.

O pastor Erzon Aduviri, que, ao anunciar o batismo, pontuou a frase “Louvado seja Deus!”, acabou se desdizendo nos comentários. Disse que não se tratava de uma conversão. Depois de algumas horas, apagou o post.

Procurada, a Igreja Adventista do Sétimo Dia afirmou que ele foi ao culto, porém não houve batismo. “O Zé do Caixão não foi batizado, apenas foi a um culto, como visitante e, em determinado momento, demostrou interesse em conhecer a igreja e estudar a Bíblia. Não houve batismo.”

Quer conhecer o que está por trás de outras notícias falsas? Acesse o blog Me Engana Que Eu Posto

A repercussão da história:

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.